Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela O Sétimo Guardião
Novela O Tempo Não Para
Novela Espelho da Vida
Malhação - Vidas Brasileiras
As Aventuras de Poliana
Resumo de novelas
Novela Jesus
Novela Verão 90
Novela Órfãos da Terra
TV
Domingão do Faustão
Mais Você
Encontro com Fátima
Caldeirão do Huck
Fantástico
Cinema
Tapete vermelho
Estreias
Oscar
Cannes
Festival do Rio
Angelina Jolie
Jennifer Aniston
Brad Pitt
Tom Cruise
Leonardo Dicaprio
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Giovanna Antonelli
Meghan Markle
Chay Suede
Letícia Colin
Camila Queiroz
Sabrina Sato
Michel Teló
Juliana Paes
Cabelos
Make
Moda
Dieta & Saúde
Beleza & Estética

Bruna Linzmeyer inspirou meninas ao se assumir gay: 'Conseguiram falar com pais'

Compartilhe no Facebook
Atriz comentou importância de falar sobre o namoro com Priscila Visman

Bruna Linzmeyer recebeu críticas ao assumir a homossexualidade e o namoro com Priscila Visman. Porém, a atriz ignorou o preconceito e afirmou que foi importante tornar pública a sexualidade. "Já ouvi de algumas mulheres, meninas, que conseguiram conversar com os pais a partir de alguma declaração que eu fiz. E também da representatividade, né, quantas mulheres lésbicas famosas na mídia? Isso é muito importante. Eu fico pensando quais eram as referências que eu tinha. Quase nenhuma. É importante a gente falar e é tão normal. Por que a gente trata como se não fosse?", questionou em entrevista ao canal GNT durante a 4ª edição do Prêmio Glamour, nesta quarta-feira (4), em São Paulo.

Veja também

Atriz cita importância de falar da orientação sexual: 'É um ato político'

A atriz, alvo de preconceito pela sexualidade, disse que nunca pensou em esconder a orientação sexual dos fãs: "Nunca foi uma opção não falar. Eu sou lésbica e é isso. Eu não poderia não falar porque é a minha vida. É o que eu sou. E ao mesmo tempo eu fui descobrindo a importância de falar sobre isso, de ser lésbica e como isso é um ato político. De como a partir disso, a gente gera discursos. Eu, obviamente, não me encaixo só nessa caixinha. A minha existência é muito maior do que ser uma mulher lésbica. Mas eu entendo que é importante falar sobre isso e aproveito a visibilidade que tenho para lutar".

Carol Duarte apela contra preconceito: 'Não matem o que é diferente'

Durante a premiação, Carol Duarte conversou com a revista "Glamour" e repudiou o preconceito contra os homossexuais: "A gente vive um momento bem complicado. A gente ainda mata aquilo que é diferente da gente na sociedade, então espero que as próximas gerações não matem mais o que é diferente, que saibam dialogar". Eleita Revelação do Ano, a atriz contou quais são suas inspirações: "Ultimamente, ando me inspirando muito na Nina Simone (ativista na luta pelos direitos dos negros americanos) e na Djamila Ribeiro (feminista, acadêmica e pesquisadora), mas me inspirei muito na Elis Regina quando eu era adolescente. Todas me inspiram pelo posicionamento, não consigo desvincular o que a pessoa faz pelo o que ela luta".

(Por Tatiana Mariano)

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.