Com salário milionário, Gugu Liberato saiu da Record para evitar mais demissões

Depois de Gugu Liberato surpreender seu público ao pedir demissão na manhã desta quinta-feira (6) da Rede Record - informações do colunista Ricardo Feltrin -, deixando para trás o "Programa do Gugu", atração dominical que comandava há 4 anos, a revista "Quem" declara que o apresentador estava incomodado com os recentes acontecimentos na emissora e pelo fato de que mais funcionários seriam demitidos para que seu salário fosse mantido. A Record demitiu 400 funcionários do RecNov, complexo de produção de novelas do canal, e já entrou em reunião para decidir o futuro de várias atrações.

Com o salário de R$ 3,5 milhões, Gugu estava recebendo mais do que os lucros em publicidade e audiência, o que fez que parte de sua equipe fosse demitida recentemente e que seu salário fosse reavaliado pela emissora de Edir Macedo.

Ainda segundo as fontes da publicação, o apresentador sairá ileso da multa milionária por quebra de contrato. Quem deverá assumir o programa aos domingos é Rodrigo Faro, mais bem-sucedido apresentador da emissora, para competir com Eliana e Faustão.

Gugu pretende tirar férias após 26 anos no ar, para viajar com os filhos e descansar. O Purepeople entrou em contato com a assessoria de imprensa da Record, que não se pronunciou sobre a informação.

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.
Veja também
últimas notícias dos famosos
Não perca!
Comentários