Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela Segundo Sol
Novela O Tempo Não Para
Novela Orgulho e Paixão
Malhação - Vidas Brasileiras
As Aventuras de Poliana
Novela Jesus
Série Lia
Novela O Sétimo Guardião
Resumo de novelas
TV
Domingão do Faustão
Mais Você
Encontro com Fátima
Caldeirão do Huck
Fantástico
Cinema
Tapete vermelho
Estreias
Oscar
Cannes
Festival do Rio
Angelina Jolie
Jennifer Aniston
Brad Pitt
Tom Cruise
Leonardo Dicaprio
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Giovanna Antonelli
Meghan Markle
Chay Suede
Letícia Colin
Camila Queiroz
Sabrina Sato
Michel Teló
Juliana Paes
Cabelos
Make
Moda
Dieta & Saúde
Beleza & Estética

Giovanna Lancellotti relata assédio aos 14 anos: 'Estava viajando de ônibus'

Compartilhe no Facebook
No ar como Rochelle na novela 'Segundo Sol', atriz disse que se passasse por situação parecida nos dias de hoje, a sua reação seria outra. 'Faria um escândalo, não teria vergonha nem medo de me expor. Nós, mulheres, às vezes nos sentimos culpadas quando esse tipo de coisa acontece, ficamos em busca de um motivo. Mas não tem: o crime é do assediador', falou à revista 'Cosmopolitan'

Giovanna Lancellotti é mais uma mulher que já foi vítima de assédio. Depois de passar por um momento chato durante a Copa do Mundo na Rússia, onde assistiu ao jogo do Brasil contra Sérvia, a atriz contou que sofreu a primeira situação constrangedora ainda na adolescência. "Tinha só 14 anos e estava viajando de ônibus de São João para Ribeirão, indo visitar meu pai. Um cara sentou ao meu lado e se masturbou. Deu nojo, raiva e sensação de impotência. Liguei assustada para a minha mãe. Ela me mandou sair dali e pedir ajuda ao motorista. O cara foi expulso do ônibus e largado na estrada", contou à revista "Cosmopolitan". Segundo a artista, ela e a mãe, Giuliana, mantêm uma relação de amizade intensa: "Ela sempre foi a minha melhor amiga. Conto tudo. Nunca houve assunto tabu entre a gente".

Hoje, atriz diz que se passasse por situação parecida reagiria diferente

Aos 25 anos, Giovanna disse que se o assédio acontecesse nos dias de hoje, a sua atitude seria outra. "Faria um escândalo, não teria vergonha nem medo de me expor. Nós, mulheres, às vezes nos sentimos culpadas quando esse tipo de coisa acontece, ficamos em busca de um motivo. Mas não tem: o crime é do assediador", declarou à publicação. Em seguida, a artista, que já se posicionou contra o machismo, comentou que é importante ter amigos do sexo oposto: "Ser amiga de homens me dá uma perspectiva diferente das coisas. Gosto dos conselhos dos meus amigos meninos, do olhar deles. Também acho muito interessantes homens terem amigas mulheres. Ainda mais nesses tempos em que estamos discutindo tantas questões de gênero". Sobre sua amizade com Caio Castro, ela garantiu: "É meu irmão, nunca rolou nada entre a gente mesmo".

Giovanna nem sempre conseguiu as personagens que sonhou

No ar como a vilã Rochelle em "Segundo Sol", Lancellotti falou também sobre o início da carreira, quando foi morar sozinha em São Paulo aos 15 anos para estudar na escola de atores Wolf Maya e batalhar pelo sonho de atuar. "Fui reprovada para papéis bacanas em 'Passione' e 'Malhação'. Mas não fico lamentando minhas perdas. Comigo é vida que segue", ponderou a paulistana, presença certa nas tramas da Globo desde 2011.

(Por Patrícia Dias)

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.