Naldo não fala com o filho, Pablo Jorge, no enterro da mãe: 'Nem olhou na cara'

Naldo vai ao velório da mãe, dona Ivonete, acompanhado da mulher, Ellen Cardoso, a Mulher Moranguinho, carregando uma Bíblia nas mãos. Cerimônia aconteceu no cemitério Memorial do Carmo, no Caju, no Rio de Janeiro, na tarde desta quinta-feira, 31 de outubro de 2013
17 fotos
Iniciar o slideshow
Naldo vai ao velório da mãe, dona Ivonete, acompanhado da mulher, Ellen Cardoso, a Mulher Moranguinho, carregando uma Bíblia nas mãos. Cerimônia aconteceu no cemitério Memorial do Carmo, no Caju, no Rio de Janeiro, na tarde desta quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Naldo velou e enterrou sua mãe, dona Ivonete, na tarde desta quinta-feira (31), no cemitério Memorial do Carmo, no Caju, Zona Portuária do Rio de Janeiro. O cantor chegou carregando uma Bíblia nas mãos, acompanhado de sua mulher, Ellen Cardoso. "Ele estava abatido, mas não chorou. A Moranguinho ficou ao seu lado o tempo todo, mas não derramou uma lágrima", afirma uma fonte do Purepeople que acompanhou o funeral.

O filho do funkeiro, Pablo Jorge, de 16 anos, fruto de sua relação com Branka Silva, também esteve no local. "Ele chegou acompanhado de amigos. Não parava de chorar. Estava muito mal mesmo", conta. "O menino ficou sozinho, ninguém falava com ele ou o consolava, só quem chegou com ele, pessoas que não eram da família", completa.

O velório de dona Ivonete durou aproximadamente uma hora e contou com a presença de cerca de 70 pessoas. "Chegou um ônibus cheio de gente, a maioria de idosos", diz.

Naldo deixou o local acompanhado da mulher. Segundo a fonte, o intérprete de "Amor de Chocolate" ignorou completamente a presença de Pablo. "Ele passou ao lado do filho e nem olhou para a cara dele, deixando o garoto lá, chorando", revela.

Luta contra o câncer

A mãe de Naldo estava internada no Hospital São Lucas, em Copacabana, Zona Sul do Rio de Janeiro, lutando contra um câncer no rim desde o dia 18 de outubro. Ela descobriu a doença em uma fase muito avançada, em que não havia mais possibilidade para iniciar o tratamento de quimioterapia. Ela faleceu na noite da última quarta-feira (30), aos 63 anos.

O Hospital enviou um comunicado oficial à imprensa após a morte de dona Ivotene. "Naldo foi um guerreiro. Esteve o tempo todo ao lado da mãe. Alterou a agenda para estar ao lado dela, passou madrugadas aqui em claro. A família toda esteve muito unida e mobilizada", informou.

O cantor publicou uma foto em sua conta no Instagram prestando as últimas homenagens à mãe. "Não caberiam todas as palavras de amor pela Senhora! Deus te chamou, nada posso fazer, mas não posso negar nem esconder como vou viver com tanta saudade. Te devo tudo que sou. Te amo muito, mãe! Vá em Paz", escreveu o funkeiro na legenda da imagem, em que dona Ivonete aparece posando sorridente ao seu lado.

(Por Alexandra Gurgel)

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.
Veja também
Recommandado por
últimas notícias dos famosos
A não perder
Recommandado por
Comentários