Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela O Sétimo Guardião
Novela O Tempo Não Para
Novela Espelho da Vida
Malhação - Vidas Brasileiras
As Aventuras de Poliana
Resumo de novelas
Novela Jesus
Novela Verão 90
Novela Órfãos da Terra
TV
Domingão do Faustão
Mais Você
Encontro com Fátima
Caldeirão do Huck
Fantástico
Cinema
Tapete vermelho
Estreias
Oscar
Cannes
Festival do Rio
Angelina Jolie
Jennifer Aniston
Brad Pitt
Tom Cruise
Leonardo Dicaprio
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Giovanna Antonelli
Meghan Markle
Chay Suede
Letícia Colin
Camila Queiroz
Sabrina Sato
Michel Teló
Juliana Paes
Cabelos
Make
Moda
Dieta & Saúde
Beleza & Estética

'O Outro Lado do Paraíso': Sophia avança em Caetana com tesoura e acaba presa

Compartilhe no Facebook
A serial killer recebe voz de prisão ao tentar assassinar Caetana (Laura Cardoso)

Sophia (Marieta Severo) vai ser presa por Bruno (Caio Paduan) nos últimos capítulos da novela "O Outro Lado do Paraíso". A vilã cai em uma armadilha e é pega no flagra ao partir para cima de Caetana (Laura Cardoso) com uma tesoura. As cenas irão ao ar dia 28 de abril, faltando 13 dias para o último capítulo, adianta nesta terça-feira (27) o colunista de TV Daniel Castro. A essa altura, a mãe de Lívia (Grazi Massafera) já terá enterrado vivo Mariano (Juliano Cazarré) ao acreditar que matou o namorado de sua filha.

Veja também

Caetana abre o jogo com Clara e Patrick

O plano para levar Sophia para atrás das grades começa quando Xodó (Anderson Tomazini) conta a Gael (Sergio Guizé) que ela é a assassina de Rato (Cesar Ferrario). Em um primeiro momento, o irmão de Estela (Juliana Caldas) não acredita no garimpeiro, porém ao encontrar o brinco de Mariano no cofre da mãe muda de ideia e denuncia a vilã ao delegado, que prefere manter a investigação em sigilo até reunir provas contra a serial killer. Logo depois, Clara (Bianca Bin) e Patrick (Thiago Fragoso) procuram pela cafetina para descobrirem o que ela sabe sobre a vilã. No entanto, a dona do bordel só fala o que sabe ao ser colocada contra a parede pela mocinha. "Todos os crimes que aconteceram. Todos. Eu sou a culpada. Foi por causa da minha língua grande. Primeiro foi o Laerte (Raphael Vianna). Encontrei com ela. A Sophia fingiu que não me conhecia", dispara a idosa.

'Nem pode mais ser presa por um crime', diz Caetana

Em seguida, um flashback exibe o encontro das duas em um bar. "Mas ela foi ingrata. E eu contei do Agenor. Ela matou esse home. A Sophia era quenga. Trabalhava comigo. Ela era suspeita, a polícia veio atrás. Ela me implorou ajuda de joelhos. Eu disse que ela tava comigo na hora do crime", acrescenta a cafetina. Depois, Caetana diz que assim como Agenor, o segurança também apareceu assassinado."Então era isso que a senhora sabia. Houve outro crime, há muito tempo", diz a neta de Josafá (Lima Duarte). "Tanto tempo que ela nem pode mais ser presa por esse crime", afirma a idosa, sendo questionada se Vanessa (Fernanda Nizzato) também foi morta pela vilã. "Com essa não falei, não. Mas eu suspeito de que ela deve ter visto quando a Sophia matou o Laerte, porque dizia que ia ficar rica", recorda a dona do bordel. Ela fala ainda da morte de Rato e do desaparecimento de Mariano, rejeita se aliar à vingativa para que Sophia seja presa, mas é convencida por Mercedes (Fernanda Montenegro).

'Se precisar, uso a arma', diz Patrick

Em plano organizado por Patrick, Bruno, Gael e Clara, Caetana se encontra com a vilã no garimpo e alega que não pode retornar à noite para receber o que ela lhe deve. A mãe de Lívia aceita a proposta de se reencontrarem nos fundos do prostíbulo. A sensitiva e a mocinha acham a ideia arriscada, porém ponderam que a saída é a única para que a vilã seja presa. Logo depois, ficam escondidos no bordel e, para despistar a assassina, os veículos deixam o local. "Meu Deus, que tão aprontando?", questiona Leandra. "Não interessa. Leandra, se eu não voltar, só lhe digo. Cê foi uma boa amiga", responde a cafetina, aconselhada pelo advogado a procurar as luzes do farol do carro de Sophia. Desejo sorte. Desejo até que a gente teja errado", diz Gael. "Eu tenho porte de arma, Clara. Se precisar, eu uso", responde Patrick, a essa altura ao lado de policiais nos fundos do bordel.

Sophia é cercada ao tentar acertar tesourada em Caetana

Ao ver a assassina, Caetana diz: "Cê veio". "Nós combinamos, querida", retruca a serial killer, sendo questionada pela dona do bordel: "O dinheiro?". "Está aqui", responde a vilã ao levar a mão para dentro da bolsa. "Mas não é só dessa vez. Vai me pagar sempre que eu quiser. Pagar pelo meu silêncio", diz Caetana. "Eu tenho certeza de que a partir de agora, a senhora vai ficar em silêncio, dona Caetana querida. Silêncio pra sempre", diz Sophia, de forma sussurrante. Nesse momento, a vilã retira a tesoura da bolsa e levanta o braço para atingir a idosa, que grita. Sophia é cercada quando Patrick, Bruno, Clara, Gael e dois policiais aparecem de vários lados. "Tá presa, dona Sophia. Tá presa em flagrante por tentativa de assassinato", avisa o delegado.

(Por Guilherme Guidorizzi)

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.