Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Últimos stories
Sertanejo
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Malhação - Viva a Diferença
Novela Haja Coração
Novela Laços de Família
Novela Flor do Caribe
Novela A Força do Querer
Novela Amor Sem Igual
Novela Salve-se Quem Puder
Novela Nos Tempos do Imperador
Novela Amor de Mãe
Resumo de novelas
TV
A Fazenda 12
Domingão do Faustão
Masterchef Brasil
Caldeirão do Huck
Mais Você
Encontro com Fátima
Fantástico
Cinema
Tapete vermelho
Estreias
Oscar
Cannes
Streaming
Festival do Rio
Angelina Jolie
Jennifer Aniston
Brad Pitt
Tom Cruise
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Kate Middleton
Meghan Markle
Marilia Mendonça
Gusttavo Lima
Camila Queiroz
Sabrina Sato
Michel Teló
Juliana Paes
Beleza & Estilo
Cabelos
Make
Moda
Primavera/Verão
Outono/Inverno
Dieta & Saúde
Beleza & Estética

Michael Jackson não conseguiu patrocínio para sua última turnê: 'Ninguém queria'

Michael Jackson não conseguiu patrocínio para o que seria seu último show, a turnê "This is it", apesar da venda recorde de entradas, segundo afirmou Eric Briggs, chefe da consultoria Consulting. Ele testemunhou no início da 14ª semana do processo judicial que a família Jackson abriu contra o grupo AEG, promotor do último espetáculo do rei do pop.

Os filhos e a mãe de Michael Jackson, Katherine, acusam a empresa de negligência, afirmando que o grupo é o culpado por ele ter ficado aos cuidados do médico Conrad Murray, que cumpre pena de quatro anos de prisão por homicídio culposo. A família quer que o AEG pague 1,5 bilhão de dólares, cerca de R$ 3,4 milhões, em perdas e danos. O valor foi calculado pelos lucros que Jackson poderia gerar se ainda estivesse vivo.

Eric Briggs, testemunha da defesa, declarou que a imagem do cantor, morto em 2009, estava tão deteriorada que nenhuma empresa queria patrocinar a turnê "This is it", que teria 50 apresentações que marcariam a volta de Michael Jackson aos palcos. Segundo Briggs, as empresas viam Jackson como uma figura perigosa pelas revelações pessoais que poderiam vir à tona, principalmente envolvendo casos de pedofilia, argumentou a testemunha.

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.