Home
Últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Namoro
Sertanejo
Últimos Web Stories
Carnaval
Famosos do esporte
Instagram dos famosos
Gravidez das famosas
Look de famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela Pantanal
Novela Cara & Coragem
Novela Quanto Mais Vida, Melhor
Novela Além da Ilusão
Novela Carinha de Anjo
Novela Poliana Moça
Novela Reis
Novela A Favorita
Resumo de novelas
TV
Power Couple Brasil
Masterchef Brasil
A Fazenda
BBB 23
Reality Show
Domingão com Huck
Caldeirão
Mais Você
Encontro com Fátima
Séries
Filme 365 Dias
Cinema
Séries e filmes
Tapete vermelho
Estreias
Oscar
Cannes
Festival do Rio
Angelina Jolie
Jennifer Aniston
Brad Pitt
Tom Cruise
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Virginia Fonseca
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Kate Middleton
Paolla Oliveira
Wanessa
Meghan Markle
Marilia Mendonça
Jade Picon
Andressa Suita
Sabrina Sato
Larissa Manoela
Casamento
Noivas
Looks para casamento
Make para casamento
Penteados para casamento
Beleza & Estilo
Cabelos
Maquiagem
Cuidados com a pele
Moda
Primavera/Verão
Outono/Inverno
Beleza & Estética
Saúde e Bem-estar
Beleza Madura
Dieta
Astrologia
Coluna É Trend!

Qual a tatuagem perfeita para cada signo? Veja dicas e inspirações de desenhos

11 fotos
Veja as fotos!
Fazer uma tatuagem vai além da questão estética e pode dizer muito sobre cada um de nós. E sabia que seu signo pode te dar uma ajuda na hora de escolher um desenho? Saiba mais detalhes a seguir:

Hoje em dia é muito mais comum encontrarmos alguém com tatuagem do que há 20 ou 30 anos. A prática ganhou novo fôlego nas últimas décadas, e passou de demonizada a cultuada em pouco tempo.

Porém, essa não é a primeira vez que o costume ressurge na sociedade: há milhares de anos, as antigas sociedades orientais já reverenciavam as tatuagens em suas respectivas culturas. Os arqueólogos dizem ter encontrado os primeiros vestígios de tatuagens entre 4 a 2 mil anos a.C, em países hoje conhecidos como Egito, Polinésia, Filipinas, Indonésia, Japão e Nova Zelândia.

Nesses locais, havia uma forte relação entre religião e marcas no corpo. Além disso, elas não apenas demonstravam o grau de espiritualidade como também diziam respeito ao nível social do portador das figuras.

As tatuagens provavelmente ganharam conotação negativa após terem sido utilizadas em escravos para demarcar propriedade. Após isso, o declínio da prática finalmente chega a seu apogeu em 787 d.C através da Igreja Católica, que oficialmente considerou o costume como herança pagã, proibindo seus seguidores.

É claro que hoje, com o advento dos meios de comunicação, as trocas culturais ficaram ainda mais intensas e ajudaram na desconstrução de alguns preconceitos mais comuns no corpo social.

Por causa disso, hoje em dia temos a referência de pelo menos uma pessoa de cada profissão que possui tatuagem: professores, advogados, médicos, cientistas, economistas, etc. Ou seja: além de ser uma prática milenar, hoje em dia a tatuagem é vista como uma extensão do corpo humano, e cada vez mais aceita na nossa sociedade.

As religiões tradicionais e a tatuagem

Dificilmente as religiões abraâmicas, ou seja, o judaísmo, o cristianismo e o islamismo saíram do padrão moderno conhecido hoje por nós. Na verdade, em alguns casos, essas religiões ajudaram a perpetuar a ideia negativa que se tinha acerca das tatuagens.

Por outro lado, o hinduísmo, ou o budismo, ou até mesmo a antiga religião egípcia, concedia à prática valor positivo. De um modo geral, as tatuagens feitas no corpo aumentavam o contato dos praticantes com os planos superiores, e os fazia ficar mais próximos de suas crenças.

A religião católica foi responsável pelo desuso de tatuagens, alegando ligações ilícitas com outras religiões de origens pagãs. Isso porque, durante as Guerras Cruzadas, o ideal era que os cavaleiros expandissem os domínios europeus e religiosos para outras culturas.

Uma informação interessante a respeito desse período é que os Cavaleiros de São João da Malta, embora cristãos, tinham o costume de se tatuar, independente dos dogmas oficiais do catolicismo. Apesar de tudo isso, hoje em dia a Igreja Católica não condena nenhum de seus fiéis, bem como não interfere mais nesse tipo de decisão.

Por outro lado, em algumas sociedades a prática ainda é mal vista, como na Coreia do Sul, onde as tatuagens indicam ligação com as milícias locais.

Já no espiritismo, Allan Kardec, o pai da doutrina, oferece uma visão diferente. Para ele, o desenho ganha força espiritual, podendo exercer maior ou menor ação no plano espiritual. Se o desenho for muito intenso, com figuras fortes, que beiram à violência, ele atrairá à pessoa portadora energia semelhante, além da possibilidade de, em reencarnações futuras, a energia negativa ainda estar presente.

Diferentemente de uma tatuagem que expressa o amor a algum ente ou amor à natureza ou religião: estas tendem a não se perpetuar nas próximas vidas, além de fornecer energia vibracional de igual natureza, ou seja, é a opção ideal.

As tatuagens para cada signo do zodíaco

Agora que você já conhece a visão de algumas das religiões mais famosas do mundo a respeito das tatuagens, você já parou para pensar quais os desenhos que combinam mais com o seu signo do zodíaco?

Áries: apaixonados por mitos e personagens mitológicos, a tatuagem ideal dos arianos deve representar a força deste signo, regido por Marte, através de espadas, fogo, cavalaria. Em geral, figuras que remetem à força do deus da guerra.

Touro: taurinos são regidos por Vênus, possuem leveza e inclinação para as artes e refinamento. As figuras ideais para o nativo de touro devem estar alinhadas ao romantismo e estética delicada, como corações, e flores.

Gêmeos: os geminianos são regidos por Mercúrio, o deus comunicação, da inteligência e sagacidade. Vale tatuar qualquer desenho que remeta à ideia de leveza e ao ar.

Câncer: sensíveis e ligados à família. A primeira tatuagem, de acordo com as características desse signo, pode ser alguma homenagem aos membros da família.

Leão: os leoninos são vivazes e apaixonados, então a escolha de tatuagem deve seguir sua personalidade. Figuras exuberantes e coloridas são a menina dos olhos do nativo.

Virgem: os virginianos são naturalmente discretos, elegantes e inteligentes. Prezam pelo significado profundo das coisas, algo que os instigue ao conhecimento. A tatuagem ideal para os virginianos precisa estar ligada a um significado forte.

Libra: librianos são seres delicados, que prezam pela manutenção do romantismo. Por conta disso, o ideal seria trazer para a pele essa delicadeza e virtude na forma de figuras como corações ou flores.

Escorpião: já os escorpianos, conhecidos pela intensidade e sensualidade, bem como pela inclinação ao ocultismo, podem se jogar nas figuras místicas que remetem à simbologia escorpiana.

Sagitário: dados ao pensamento abstrato, os sagitarianos combinam com significados profundos. Símbolos filosóficos ou mitológicos podem ser uma boa alternativa.

Capricórnio: discretos, os capricornianos preferem algo sutil e que represente seus valores, principalmente a estabilidade e a força. Figuras como alianças entrelaçadas, árvores com flores ou símbolos do tempo.

Aquário: excêntricos e idealistas, os aquarianos gostam de ser lembrados do mundo pelo qual lutam. Nada mais justo, portanto, do que levar à pele símbolos ou frases que os lembrem de suas virtudes. Símbolos que representam uma ideologia ou um mundo melhor, sempre com o toque autêntico dos nativos de Aquário.

Peixes: românticos e místicos, ligados à espiritualidade, os nativos de peixes podem apostar em tudo o que carrega a sutileza e delicadeza, optando principalmente por desenhos ligados aos mares e aos rios.

(Texto por WeMystic)

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.