Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela A Força do Querer
O Outro Lado do Paraíso
Novela Pega Pega
Novela Tempo de Amar
Novela Carinha de Anjo
Malhação - Viva a Diferença
Série Cidade Proibida
Novela O Rico e Lázaro
Série Filhos da Pátria
Novela Belaventura
Novela O Sétimo Guardião
Minissérie 13 Dias Longe do Sol
Resumo de novelas
TV
Masterchef
A Fazenda
Domingão do Faustão
The Voice Brasil
Mais Você
Fantástico
Encontro com Fátima
Caldeirão do Huck
Beleza & Estilo
Look dos famosos
Boa forma
Bem-estar
Cabelo
Quem vestiu melhor?
Cinema
Tapete vermelho
Estreias
Oscar
Cannes
Festival do Rio
Angelina Jolie
Jennifer Aniston
Brad Pitt
Tom Cruise
Leonardo Dicaprio
Famosos
Bruna Marquezine
Grazi Massafera
Marina Ruy Barbosa
Anitta
Bruno Gagliasso
Ivete Sangalo
Lucas Lucco
Giovanna Antonelli
Camila Queiroz
Alinne Moraes
Sabrina Sato
Caio Castro
Paolla Oliveira
Juliana Paes
Vídeos

Ex-dançarino da Calypso afirma ter sido agredido por Chimbinha: 'Me deu um soco'

Compartilhe no Facebook
O profissional contou que a agressão foi motivada por comida e que o músico falava atrocidades por causa de sua opção sexual

O fim do casamento de 18 anos entre Joelma eChimbinha não acabou nada bem. Prova disso tem sido o desenrolar da história do casal desde o anúncio da separação, que teria sido motivada por uma traição do músico, e já virou até caso de polícia. Na terça-feira (8), a vocalista da banda Calypso prestou queixa contra o ex-marido na delegacia de Jaderlândia, na cidade de Ananindeua, no Pará. Em depoimento, ela disse temer por sua integridade física e moral afirmando que "Chimbinha tem histórico violento e que, segundo ela, teria agredido fisicamente um dançarino do grupo".

Após a revelação de Joelma, Leicy Sposito, ex-dançarino da Calypso, resolveu se pronunciar sobre o assunto e contou o motivo que culminou na sua saída. "Dancei por muitos anos com a Calypso. Entre idas e vindas foram quase seis anos. Tive muitos problemas com o Chimbinha. Ele me agredeu em uma viagem que a gente fez para a África, logo depois da gravação de um DVD em Ceilândia. Aconteceu uma discussão na cozinha por causa do tempero de uma comida que ele não era a favor e que eu coloquei no arroz. Por causa dessa simples besteira, ele me agrediu. Me deu um soco no peito de mão fechada", disse em entrevista à colunista Fabiola Repeirt.

Ainda segundo ele, o músico é uma pessoa preconceituosa. "Acabei processando a banda, mas nunca levei isso para a mídia por causa da Joelma, para não prejudica-la. Ela nunca teve nada a ver, sempre foi uma pessoa maravilhosa comigo, foi amiga, esteve do meu lado. O Chimbinha é uma pessoa preconceituosa, ele já falou coisas absurdas na minha cara pela minha opção sexual, me chamando de viado, de gay", disparou.

A confusão resultou num processo judicial e a saída definitiva do dançarino. "Ele me agrediu, eu retirei a queixa, perdoei, voltei para o Calypso. Aó logo depois ele tentou me agredir de novo em um trio elétrico. Era um show de Carnaval no Recife. Aí depois disso eu desci do trio, chorei, falei com a Joelma, saí da banda e continuei com o processo", esclareceu Leicy.

Guitarrista volta aos palcos dia 19

Afastado temporariamente da Calypso, devido a uma cirurgia de vista, Chimbinha já tem data marcada para retornar aos shows. "Será no dia 19 deste mês, com um megashow em Palmas. Isso é pra mostrar que não existe essa história de fim de banda. O Calypso não vai acabar e muito menos o Chimbinha vai sair", contou Mauro Neto, gerenciador de crise contratado pelo músico. Enquanto isso, Ian Marinho segue como seu substituto.

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.