Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela O Sétimo Guardião
Novela O Tempo Não Para
Novela Espelho da Vida
Malhação - Vidas Brasileiras
As Aventuras de Poliana
Novela Jesus
Resumo de novelas
Verão 90
TV
Domingão do Faustão
Mais Você
Encontro com Fátima
Caldeirão do Huck
Fantástico
Cinema
Tapete vermelho
Estreias
Oscar
Cannes
Festival do Rio
Angelina Jolie
Jennifer Aniston
Brad Pitt
Tom Cruise
Leonardo Dicaprio
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Giovanna Antonelli
Meghan Markle
Chay Suede
Letícia Colin
Camila Queiroz
Sabrina Sato
Michel Teló
Juliana Paes
Cabelos
Make
Moda
Dieta & Saúde
Beleza & Estética

'Segundo Sol': Remy é forçado a traficar para pagar dívida. 'Barra pesada'

Depois de salvar o amante de Karola (Deborah Secco) de ser assassinado por Bóris (Paulo Vespúcio), a quem ele deve R$ 70 mil, Laureta (Adriana Esteves) consegue convencê-lo a ser traficante de drogas. 'Vai guardar a goiabada na casa de seus pais, um lugar que não vai levantar suspeita, e depois vai repassando pros atravessadores que vão entrar em contato contigo'

Remy (Vladimir Brichta) vai virar traficante na novela "Segundo Sol". Para conseguir sobreviver às ameaças de morte feitas por Bóris (Paulo Vespúcio), agiota com quem contraiu dívida de R$ 70 mil no passado, ele é forçado a comercializar a droga sintética MDMA para que a quantia possa ser abatida do débito e precisará usar o bar de seu pai como esconderijo dos entorpecentes. As cenas estão previstas para irem ao ar a partir do dia 25 de junho.

Veja também

'Olhe que beleza de trabalho! Simples e fácil!', diz Laureta a Remy

De acordo com o portal "Observatório da Televisão", será Laureta (Adriana Esteves), que impediu que ele fosse assassinato pelo agiota, quem vai fazer a proposta para que ele assuma a função de traficante de Bóris. "Olhe, apesar de Remy não merecer, de ter sido muito grosseiro hoje, eu, na minha infinita sabedoria, pensei numa maneira de resolver o problema dele e conseguir ajudar Bóris também... Negócio bom é quando é negócio bom pra todo mundo, é ou não é? Bóris pode abater a dívida se você começar a trabalhar pra ele", fala a cafetina que força Rosa (Letícia Colin) a trabalhar exaustivamente como prostituta. Surpreso com a proposta, o irmão de Beto Falcão (Emilio Dantas) questiona qual seria sua função e se espanta ao ver o produto que a dona do bordel lhe mostra. "Não conhece, não? É droga, querido. Droga sintética. MDMA. Você vai ajudar Juarez, companheiro do Bóris, na operação aqui na Bahia. Vai guardar a goiabada na casa de seus pais, um lugar que não vai levantar suspeita, e depois vai repassando pros atravessadores que vão entrar em contato contigo. Olhe que beleza de trabalho! Simples e fácil!", declara Laureta.

Remy teme ser traficante: 'Nunca me meti em alguma coisa cabeluda assim'

Pressionado pelo funcionário de Bóris, Remy, que entrega o segredo de Karola para Rosa, teme aceitar o cargo e entrar no mundo do crime. "Complicado, hein... Tráfico de droga é coisa muito barra pesada. Nunca me meti em alguma coisa cabeluda assim... Laureta, eu tô mudando, eu... Eu arrumei um emprego, tô me endireitando...", argumenta o filho de Seu Dodô (José de Abreu), que o ameaça por não revelar que o irmão está vivo. Irritado, Bóris ordena: "Bom, então não tem alternativa... Juarez, leva ele pro banheiro e apaga o homem".

'Não tenho outra saída mesmo... Topo!'

Novamente, Laureta - que ameaça seu comparsa de morte - impede a ação do bandido e continua a insistir para Remy aceitar a traficar os entorpecentes. "Espera, Bóris! Pense bem, Remy! Morrer assim, por um medo besta de aceitar um trabalho fácil!?", indaga a cafetina. "Não sei, não sei... Usar o bar de minha família como fachada prum negócio desses! O quê que meu pai, minha mãe, vão achar de mim se descobrirem?", fala ele, e Laureta é direta: "Eles já acham o pior possível de você, Remy. Você não tem nada a perder". Diante da pressão de todos, o homem decide se render: "Não tenho outra saída mesmo... Topo! Eu topo, é claro!". Na sequência, a cafetina aparece separando o material para o homem: "Deixa eu marcar tudo certinho aqui... Remy, na data de hoje, vai levar um quilo..."

(Por Carol Borges)

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.