Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela O Sétimo Guardião
Novela Espelho da Vida
Novela Verão 90
Malhação - Vidas Brasileiras
As Aventuras de Poliana
Resumo de novelas
Novela Jesus
Novela Órfãos da Terra
TV
Domingão do Faustão
BBB19
Mais Você
Encontro com Fátima
Caldeirão do Huck
Fantástico
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Giovanna Antonelli
Meghan Markle
Chay Suede
Letícia Colin
Camila Queiroz
Sabrina Sato
Michel Teló
Juliana Paes
Beleza & Estilo
Cabelos
Make
Moda
Dieta & Saúde
Beleza & Estética
Verão

'Salve Jorge': gafes da novela de Glória Perez foram destaque na internet

Erro de continuidade em 'Salve Jorge': enquanto esteve refugiada na Capadócia, o cabelo de Morena (Nanda Costa) passou do volumoso e cacheado para o liso. Mesmo prendendo em um coque, não teve como disfarçar a diferença entre os fios do início das gravações com as mais recentes
15 fotos
Iniciar o slideshow
Erro de continuidade em 'Salve Jorge': enquanto esteve refugiada na Capadócia, o cabelo de Morena (Nanda Costa) passou do volumoso e cacheado para o liso. Mesmo prendendo em um coque, não teve como disfarçar a diferença entre os fios do início das gravações com as mais recentes

"Pobre de quem não consegue voar". Esse é o recado de Glória Perez aos que criticam os erros de continuidade e as falhas no roteiro de "Salve Jorge". Com uma novela cheia de gafes, a autora virou alvo fácil na internet, e até usou o Twitter para explicar, ao longo da trama, algumas situações. Alguns internautas "voaram" e entraram em sua defesa na rede. Mas a maioria do público preferiu continuar com os pés no chão e encarar a atração das nove com humor.

Veja também

É claro que uma novela tem como principal objetivo entreter. E "voar" é ótimo para relaxar no fim do dia. Mas mesmo na fantasia, é preciso seguir com lógica e coerência. Vamos relembrar os fatos que mais incomodaram os telespectadores nos últimos meses.

  • A primeira crítica é recorrente nas novelas da autora, que gosta de ambientar parte da trama em outra cultura. O fato de todos os estrangeiros falarem português fluente, seja no Marrocos, na Índia ou na Turquia, é sempre motivo de estranhamento. E dessa vez esse fato oscilou de acordo com a conveniência para a trama, pois quando Jéssica (Carolina Dieckmann) fugiu e foi parar em uma delegacia, ninguém entendia o que a moça estava dizendo. Porém, quando Morena (Nanda Costa) deu uma surra em Lívia (Claudia Raia) e foi contida por um policial, ele não só entendeu como falou fluentemente o português, inclusive com sotaque carioca.
  • Morena aceita uma proposta de trabalho para ser garçonete em um café, na Turquia. No contrato diz que ela vai ganhar 1.500 euros por mês (aproximadamente R$4 mil) e será um trabalho temporário, com duração de 3 meses. O que, concluindo, daria 12, no máximo 15 mil reais no total (contando com gorjetas incríveis). Mesmo com o casamento marcado, a moça decide largar tudo e aceitar o emprego, porque, como promete ao filho, vai realizar o sonho de comprar a casa própria e comprar todos os brinquedos que Junior (Luiz Felipe Mello) quiser, fazendo assim sua independência financeira. Tudo isso com os R$15 mil! Voa, passarinho, voa!
  • A partir daí vem um grave erro de continuidade. Antes de ser traficada, a protagonista recebe um banho de loja e a produção da novela resolve mudar o visual dela, alongando os fios, que até então estavam cacheados. O problema é que durante a viagem à Turquia, Nanda Costa já havia gravado várias cenas para serem usadas posteriormente. O resultado disso é a personagem em um vai e vem de cachos numa cena e lisos presos em coque em outra. Que assistia, ficava na dúvida: será que a traficada encontrava na caverna de Zyah (Domingos Montagner) escovas, secador e bobes? Ou pegou tanto vento que alisou os fios?
  • Outro detalhe que variou com esse recurso de usar imagens gravadas meses antes foi o tamanho da barriga de grávida da Morena. Quando a cena era externa na Capadócia, a barriga era menor. Já dentro da caverna, era maior. A duração de uma gravidez em "Salve Jorge" também não segue o padrão de 9 meses. Tamar (Yanna Lavigne) engravidou antes de Morena, mas só foi dar à luz alguns meses depois da brasileira.
  • Aí vamos falar do célebre sapato que identificou a chefe da máfia para Jéssica. A loira garantiu à amiga traficada que "reconheceria aquele par de sapatos mesmo se estivesse em um maracanã lotado". Mas na fatídica noite de sua morte, as duas ficam ajoelhadas ao lado da criminosa antes de contarem que estão sendo escravizadas e a moça não vê o tal modelo exclusivo no pé de Lívia. Que coisa, não?
  • Nesse mesmo evento, Mustafa (Antonio Calloni) e Morena se conheceram, pois o turco estava bem ao lado da ex-faxineira quando ela grita por socorro com Jéssica morta nos braços. Só que o tempo passa, eles se reencontram na boate de prostituição em Istambul, e esquecem que já se conheciam. Liberdade de construção de autor? Glória Perez chegou a se manifestar, esclarecendo a situação: "Curiosos: Mustafa NÃO conhecia Morena, ele viu Morena no banheiro quando estava atento à menina que morreu. Ninguém lembra da pessoa que estava do seu lado no meio de um tumulto: aliás é comum a gente nāo lembrar nem de pessoas que conviveram com a gente em alguma época. Quem é que não ouviu a pergunta saia justa: tá lembrando de mim? Afff".
  • No caso de Barros (Marcelo Airoldi), que já tinha interrogado Wanda (Totia Meirelles) sob o nome de Adalgisa, quando ela bateu no carro de Maitê (Cissa Guimarães) e não a reconheceu quando foi prestar depoimento sobre a morte de Jéssica, foi preciso reparar o furo e Glória anunciou via Twitter a correção. Nos capítulo seguintes, Barros se lamenta com Helô (Giovanna Antonelli) por não ter reconhecido a meliante. Na cena, a delegada consola o amigo. "Pergunta se eu lembro de todas as caras que sentaram naquela cadeira para resolver coisas triviais? Quantas brigas de trânsito você se depara por dia?".
  • Na segunda vez em que Lívia usa sua seringa letal e mata Rachel (Ana Beatriz Nogueira) no elevador de um hotel, o público se revoltou porque não tinha câmeras de segurança no tal elevador. Além de se justificar em um diálogo entre Lívia e Wanda, em que a chefona diz que tinha "gente sua" trabalhando no hotel para apagar as gravações, a autora se manifestou mais uma vez no microblog. "Vou desenhar para um grupinho aqui: Jura que ninguém aí nunca ouviu falar em câmeras que nāo funcionam quando é conveniente? Só pra lembrar de casos mais recentes, vide as de Santa Maria, as do caso Bruno: nos dois hotéis que podiam comprovar o sequestro de Elisa Samúdio, as fitas enguiçaram naquele dia! Justo naquele dia! E depois dizem que gostam de realidade! aff hem?", (sic).
  • Mais à frente na trama, Morena sofre um atentado, em que está dentro de um carro blindado da Polícia Federal, carregando a filha nos braços. Enquanto o veículo está sendo cravejado de balas, a mocinha simplesmente decide sair do automóvel - e aqui repito: blindado!- para fugir a pé com Jéssica Vitória. Então vai parar na Igreja de São Jorge (que parece ficar aberta 24horas) e dá de cara com Érica (Flávia Alessandra), que estava desmarcando seu casamento com Théo (Rodrigo Lombardi), no meio da noite.
  • A cadelinha Emily certamente gravou mais cenas que Cristiana Oliveira, André Gonçalves e Sacha Bali, o Beto, ex da protagonista e pai de Junior, que nunca mais apareceu na novela. Até surgiu um boato que ele voltaria, assim como Caíque (Duda Nagle) - que ressurgiu do núcleo dos esquecidos recentemente -, mas faltando apenas 10 dias para o fim da tram, a nada de Beto. Se alguns somem, outros pouco aparecem, como por exemplo Julinha (Cris Vianna), que é amiga fiel de Érica, mas não tem um conflito próprio, não trabalha, não tem família, só fica na sala para bater papo com a amiga e consolá-la. Fernanda Paes Leme , que faz a outra amiga da veterinária até teve algum destaque quando sua personagem, Márcia, teve um envolvimento com o capitão Théo e os dois se beijaram na praia. Porém, mesmo fazendo a amiga fura olho, o conflito não passou disso.
  • Irina (Vera Fischer), que é motivo de piada do público por estar sentada na maioria de suas cenas, odiava o Russo (Adriano Garib) desde que ele matou seu amante italiano. Eis que tempos depois, os dois parecem amigos e passam as noites admirando Lohana (Thammy Miranda) dançando na boate.
  • Vera Fischer não fez a delicada e aproveitou o lançamento do seu livro, "Lucíola", para reclamar do papel: "Faço a personagem bem direitinho, às vezes ela é simpática, outras é meio dúbia. Mas não acrescenta nada na minha carreira. Não é uma grande personagem, mas acho que, de tudo o que a gente faz, tira alguma coisa".
  • Por fim, depois de dar uma surra daquelas em Lívia e rolar no chão molhado de um beco de Istambul, entre puxões de cabelo, socos e pontapés, Morena aparece linda e produzida no hotel onde está hospedada com os agentes federais. A continuidade realmente tá "voando".

(Por Samyta Nunes)

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.