Home
Últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Namoro
Sertanejo
Últimos Web Stories
Carnaval
Famosos do esporte
Instagram dos famosos
Gravidez das famosas
Look de famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela Pantanal
Novela Cara & Coragem
Novela Quanto Mais Vida, Melhor
Novela Além da Ilusão
Novela Carinha de Anjo
Novela Poliana Moça
Novela Reis
Novela A Favorita
Resumo de novelas
TV
Power Couple Brasil
Masterchef Brasil
A Fazenda
BBB 23
Reality Show
Domingão com Huck
Caldeirão
Mais Você
Encontro com Fátima
Séries
Filme 365 Dias
Cinema
Séries e filmes
Tapete vermelho
Estreias
Oscar
Cannes
Festival do Rio
Angelina Jolie
Jennifer Aniston
Brad Pitt
Tom Cruise
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Virginia Fonseca
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Kate Middleton
Paolla Oliveira
Wanessa
Meghan Markle
Marilia Mendonça
Jade Picon
Andressa Suita
Sabrina Sato
Larissa Manoela
Casamento
Noivas
Looks para casamento
Make para casamento
Penteados para casamento
Beleza & Estilo
Cabelos
Maquiagem
Cuidados com a pele
Moda
Primavera/Verão
Outono/Inverno
Beleza & Estética
Saúde e Bem-estar
Beleza Madura
Dieta
Astrologia
Coluna É Trend!
Biografia

Nascimento: 23 Outubro 1940

Idade: 81 anos

Profissão: Ator / Jogador de Futebol / Cantor / Atleta

Signo: Escorpião

País: Brasil

Cidade: Três Corações - MG

Edson Arantes do Nascimento, mais conhecido como Pelé, nasceu em 23 de outubro de 1940, embora conste em sua Certidão de Nascimento que tenha vindo ao mundo no dia 21 de outubro, na cidade de Três Corações, Minas Gerais.

Dondinho, como era chamado João Ramos do Nascimento, pai de Pelé, registrou o filho cerca de um mês depois de nascido, em 19 de novembro de 1940, o que pode ter contribuido para o erro na documentação, que consta ainda com um erro na grafia do primeiro nome: Edison, com "i".

O intuito do pai de Pelé e da mãe, Celeste, era homenagear o inventor americano Thomas Alva Edison (1847-1931), mas com a adaptação do nome para "Edson". Isso porque em 1940, a luz elétrica tinha acabado de chegar à cidade de Três Corações, e eles decidiram fazer uma homenagem de alguma forma ao homem que criou o fonógrafo, a lâmpada elétrica, o projetor de cinema, além dos aperfeiçoamentos na telefonia.

Na certidão de batismo, emitida em 1941, o nome completo do atleta já aparece como Edson e com a data de nascimento corrigida. "Eu não tenho certeza como isso veio a acontecer. Provavelmente porque no Brasil não somos muito exigentes em relação à exatidão das coisas", explicou o craque no livro "Pelé - A Autobiografia", que escreveu em colaboração com os jornalistas Alex Bellos e Orlando Duarte.

Os primeiros passos nos campos de futebol

Seu ingresso no futebol começou quando ele jogava pela equipe infanto-juvenil do Bauru Atlético Clube, conhecido como Baquinho, time de futebol amador da cidade do estado de São Paulo. Foi no clube que conquistou o bicampeonato da Liga Citadina em 1954 e 1955.

No ano de 1956, Pelé foi levado por Waldemar de Britto (meia-direita da Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 1934) para fazer teste no Santos e foi aprovado. Sua estreia pelo clube (equipe profissional) foi num jogo treino contra uma equipe da cidade de Cubatão, que contou com jogadores profissionais e das categorias menores. O Santos venceu a partida de 6 a 1, sendo quatro gols de Pelé.

Mas como se tratava de um jogo treino, o resultado não contou para as estatísticas de sua carreira e por este motivo os gols não foram contabilizados. Desde então, ele passou a ser chamado de Pelé, assim como era chamado no Bauru AC, e o apelido de "Gasolina" ficou para trás.

Após cerca de um mês treinando com os mais velhos, Pelé teve a oportunidade de entrar em campo em uma partida oficial: no feriado de 7 de setembro de 1956, em um amistoso do Santos contra o Corinthians, de Santo André - SP. O Santos venceu de 7 x 1 e Pelé fez seu primeiro gol pelo clube (o sexto da goleada).

Conquistas pelo Santos e pela Seleção Brasileira

Foi no clube que o craque teve as maiores conquistas. Levou mais de 40 taças e foi artilheiro do campeonato paulista 11 vezes, sendo 9 seguidas. Ainda se destacou como artilheiro da Libertadores em 1965 (com seis gols), da Taça Brasil por três vezes (1961, 1963 e 1964) e do Torneio Rio-São Paulo em 1963. No entanto, mesmo tendo feito mais de 1200 gols, nunca conquistou o posto de artilheiro numa Copa do Mundo.

Pelé fez sua estreia pela Seleção Brasileira em 7 de julho de 1957 contra a Argentina. O jogo aconteceu no Maracanã com vitória do Brasil por 2 a 1. Na época, Pelé tinha apenas 16 anos e tornou-se o jogador mais jovem a vestir a camisa do Brasil. Na partida de estreia, ele marcou também o seu primeiro gol pela Seleção. O último jogo de Pelé com a camisa verde e amarela foi em 18 de julho de 1971, no Maracanã, num amistoso contra a extinta Seleção da Iugoslávia, com empate de 2 a 2.

Despedida dos campos

O último jogo de Pelé foi em 2 de outubro de 1974, com vitória do Santos sobre o Ponte Preta (2x0), pelo campeonato paulista. Aos 22 minutos do segundo tempo, o craque se ajoelhou no centro do campo, abriu os braços e virou para os quatro lados do campo.

Mas em 1975, ele voltou a jogar após receber uma proposta irrecusável e passou a vestir a camisa do Cosmos, de Nova York. Estreou em 15 de junho do mesmo ano no campeonato norte-americano contra o Dallas Tornado (2x2), fazendo um dos gols de sua equipe. Após dois anos, no dia 1° de outubro de 1977, ele pendurou as chuteiras definitivamente após jogar meio tempo pelo Cosmos e meio tempo pelo Santos (Cosmos 2 x 1 Santos), onde fez um gol - o primeiro do Cosmos.

Casamentos e namoros marcantes

O ex-jogador já teve alguns amores marcantes em sua trajetória. Sua atual companheira é a empresária Márcia Cibele Aoki, com quem começou a namorar em 2010, após um reencontro no elevador do prédio onde moravam, na Alameda Jaú, em São Paulo. Os dois já se conheciam, quando foram apresentados em uma festa, nos anos 1980, em Nova York, nos Estados Unidos.

Pelé foi casado duas vezes: a primeira, com Rosimeri Cholbi, com quem teve três filhos – Edinho, Jennifer e Kelly – e com a cantora gospel Assíria Nascimento, mãe dos gêmeos Joshua e Celeste. Na década de 80, ele também namorou a apresentadora Xuxa Meneghel. Os dois ficaram juntos por seis anos.

Últimas notícias
Pelé volta a ser internado depois de dois meses para tratar tumor. Saiba estado de saúde!
20 Abr 2022 17h57

Pelé volta a ser internado depois de dois meses para tratar tumor. Saiba estado de saúde!

Pelé foi internado mais uma vez para tratar um tumor no cólon. Segundo o boletim médico enviado...
Pelé, internado há quase 10 dias, segue em hospital para tratar infecção urinária. Detalhes
22 Fev 2022 15h15

Pelé, internado há quase 10 dias, segue em hospital para tratar infecção urinária. Detalhes

Pelé estendeu a internação para uma infecção urinária. O ex-jogador de...
Xuxa Meneghel revela infidelidade de Pelé em namoro: 'Era traída de cabo a rabo'
12 Fev 2020 15h24

Xuxa Meneghel revela infidelidade de Pelé em namoro: 'Era traída de cabo a rabo'

Xuxa Meneghel relembrou passado com Pelé e contou que em seis anos de namoro descobriu casos de...
Pelé fica em pé com dificuldade e não consegue mais andar nem usando bengala
30 Out 2016 18h12

Pelé fica em pé com dificuldade e não consegue mais andar nem usando bengala

Ex-jogador enfrenta problemas de locomoção mesmo após duas cirurgias no quadril
Olimpíada 2016: Pelé não acenderá pira olímpica. 'Sem condições físicas'
05 Ago 2016 15h07

Olimpíada 2016: Pelé não acenderá pira olímpica. 'Sem condições físicas'

O Rei do futebol realizou duas operações no quadril, o que está afetando sua...
Fotos de Pelé