Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela Amor de Mãe
Novela Bom Sucesso
Novela Éramos Seis
Malhação - Toda Forma de Amar
As Aventuras de Poliana
Novela Amor Sem Igual
Resumo de novelas
TV
Domingão do Faustão
Masterchef Brasil
Caldeirão do Huck
Mais Você
Encontro com Fátima
Fantástico
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Kate Middleton
Meghan Markle
Marilia Mendonça
Gusttavo Lima
Camila Queiroz
Sabrina Sato
Michel Teló
Juliana Paes
Beleza e estilo PB valendo 27/08/19
Cabelo
Make
Moda
Dieta & Saúde
Beleza & Estética
Especial Arezzo valendo

Cláudio Cavalcanti morre aos 73 anos no RJ; último trabalho foi em série do GNT

Claudio Cavalcanti morre aos 73 anos neste domingo, 29 de setembro de 2013
15 fotos
Iniciar o slideshow
Claudio Cavalcanti morre aos 73 anos neste domingo, 29 de setembro de 2013

Cláudio Cavalcanti, de 73 anos, morreu às 17h45 deste domingo (29), no Hospital Pró-Cardíaco, em Botafogo, Zona Sul do Rio de Janeiro. O ator e secretário municipal de Defesa dos Animais do Rio estava internado desde o dia 16 deste mês. Ele foi submetido a uma cirurgia na coluna e sofreu complicações pós-cirúrgicas que afetaram o coração.

Seu último trabalho na TV foi na segunda temporada da série "Sessão de Terapia ", dirigido por Selton Mello, que estreia no próximo dia 7. De acordo com o site do programa, o artista se submeteu a uma cirurgia por conta da falência de uma vértebra na última terça-feira (24). Ele estava sedado desde então e aguardando a estabilização do quadro.

Segundo o cardiologista e genro do artista, Carlos Eduardo Menna Barreto, o ator sofreu um choque cardiogênico, que evoluiu para uma insuficiência renal e falência múltipla dos órgãos, ocasionando o falecimento.

A família do ator teve o apoio de amigos no hospital, como o ator Paulo Gracindo Jr, que vinha acompanhando a evolução do quadro de Cláudio ao longo da semana. Cláudio era casado há mais de 30 anos com Maria Lúcia Frota Cavalcanti, que ao lado dele era forte atuante na luta pelos direitos dos animais. O velório será nesta segunda-feira, no Memorial do Carmo, Zona Portuária do Rio de Janeiro, e o corpo do artista será cremado nesta terça-feira (1º), no mesmo local, às 13h.

Cláudio conciliava a carreira de ator, escritor e na política. Publicou cinco livros e já foi vereador e deputado estadual. Claudio estava à frente da Secretaria Especial de Promoção e Defesa dos Animais da Cidade do Rio.

Na série do canal GNT, com direção de Selton Mello, ele interpretou Otávio, um empresário com Síndrome do Pânico. "Recebo convites, mas nem sempre tenho tempo. Mas esse papel é o sonho de qualquer ator", disse o ator em entrevista ao site do programa. "Eu merecia esse papel. Não posso trair a minha história".

Entre trabalhos marcantes ao longo da carreira destacam-se os protagonistas Jerônimo, da primeira versão da novela "Irmãos Coragem", em 1970, e Padre Albano, na novela "Roque Santeiro". Participou de mais de 50 novelas, minisséries e especiais, dublagens, 22 longas-metragens e peças de teatro.

Trajetória como ator

Cláudio nasceu no Rio de Janeiro, em 24 de fevereiro de 1940. Ele era filho de um professor e contador e de uma dona de casa. Começou fazendo teatro amador na escola e em 1956 foi convidado por um amigo para participar de um teste no Teatro Brasileiro de Comédia (TBC), que precisava de um ator para integrar o elenco da montagem da peça "Nossa Vida com Papai". O grupo precisava de um jovem ator com idade na faixa dos 16 anos. Nessa época ele teve a oportunidade de conviver com jovens atores, que anos depois se tornariam conhecidos pelo grande público, como Fernanda Montenegro, Sérgio Britto e Nathalia Timberg. Iniciou carreira na televisão após ser convidado para atuar no programa "João e Maria", na TV Tupi.

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.