Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela A Dona do Pedaço
Novela Bom Sucesso
Novela Éramos Seis
Malhação - Toda Forma de Amar
As Aventuras de Poliana
Novela Topíssima
Novela Amor de Mãe
Resumo de novelas
TV
Domingão do Faustão
Masterchef Brasil
Caldeirão do Huck
Mais Você
Encontro com Fátima
Fantástico
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Kate Middleton
Meghan Markle
Marilia Mendonça
Gusttavo Lima
Camila Queiroz
Sabrina Sato
Michel Teló
Juliana Paes
Beleza e estilo PB valendo 27/08/19
Cabelo
Make
Moda
Dieta & Saúde
Beleza & Estética
Especial Arezzo valendo

Estreante, Cintia Dicker pensou que fosse levar bronca de Antonio Fagundes

Cintia Dicker pensou que fosse levar broncas de Antonio Fagundes nas gravações de 'Meu Pedacinho de Chão' (11 de maio de 2014)
40 fotos
Iniciar o slideshow
Cintia Dicker pensou que fosse levar broncas de Antonio Fagundes nas gravações de 'Meu Pedacinho de Chão' (11 de maio de 2014)

"Meu Pedacinho de Chão" marca a estreia da modelo Cintia Dicker em novelas. Após fazer uma participação no quadro "Correio Feminino", do "Fantástico", ela foi convidada pelo diretor Luiz Fernando Carvalho a interpretar a doce Milita, filha do italiano Giácomo (Antonio Fagundes), na novela das seis, mesmo sem ter feito cursos de atuação.

Em entrevista ao Purepeople, Cintia, de 27 anos, conta que tremeu na base ao saber que contracenaria com o experiente Fagundes, conhecido por sua personalidade forte nos bastidores. "Achei que fosse tomar umas broncas dele por não saber nada", confessa. "Mas ele me dá umas dicas muito boas", suspira, aliviada.

Natural de Campo Bom, no interior do Rio Grande do Sul, Cintia possui uma carreira internacional como modelo, estampando páginas de publicações como "Vogue" e "Sports Illustrated" e campanhas de grifes como "Victoria´s Secret". Eleita uma das 30 modelos mais sexy do mundo pelo site "models.com", ela não pensa em abandonar o mundo da moda.

"Meu plano é terminar a novela e voltar pra Nova York. Minha vida está lá e os clientes continuam me ligando desesperados", conta a ruiva, que foi descoberta por um olheiro enquanto passeava com sua tia em um shopping. Confira a entrevista:

Purepeople: Até então, você tinha feito na TV apenas um quadro no 'Fantástico'. Fazer uma novela já era uma vontade?
Cintia Dicker: Nunca tinha pensado nisso. Tanto que na hora que o Luiz me escolheu, eu o chamei de louco por colocar uma pessoa como eu para fazer uma novela. Não tinha noção nenhuma. Ele, então, disse: 'Vem comigo. Segue o que eu falar e irá dar certo'. E é isso o que estou fazendo.

Purepeople: Você está repetindo com o Luiz a parceria feita em 'Correio Feminino'. Isso te dá mais segurança na sua estreia em novelas?
CD: Pra mim, o Luiz é um paizão que eu não tive. Peguei na sua mão e, sem ele, eu ficaria totalmente perdida. O Luiz sabe que nunca estudei para ser atriz, mas ele tem um jeito de conseguir fazer com que a gente saiba fazer.

Purepeople: E quando soube que interpretaria a filha do Antonio Fagundes, não tremeu na base?
CD: O meu primeiro contato com ele foi em cena. Confesso que achei que fosse tomar umas broncas dele por não saber nada (risos), mas, nas gravações, o Fagundes me dá umas dicas que são muito boas. A ficha de que estava contracenando com ele só caiu quando a novela entrou no ar.

Purepeople: Quem você tem como inspiração na carreira de atriz?
CD: Brigitte Bardot. Já me inspirava nela como modelo e, agora, como atriz também. Ela é minha musa. Entre as brasileiras, adoro a Fernanda Torres. Gosto de gente engraçada, sabe?

Purepeople: Isso quer dizer que podemos esperar algo de você na comédia?
CD: Eu adoraria esse desafio! Todo mundo diz que sou uma palhaça. Então, amaria fazer. Já tenho até treinado porque 'Meu Pedacinho de Chão' tem um pouquinho de comédia.

Purepeople: Muitas ex-modelos sofreram preconceito quando viraram atrizes. Aconteceu o mesmo com você ou esse estigma já não existe mais?
CD: Sempre tem preconceito, mas (suspira)... Não estou muito preocupada com isso, não. Procuro fazer o meu melhor e sei que nas mãos do Luiz as coisas saem incríveis.

Purepeople: E como você encara sua beleza? Como um 'fardo' ou um 'benefício'?
CD: Ela abriu portas para mim. Tanto modelo, como atriz. O Luiz só me conheceu porque viu meu trabalho como modelo.

Purepeople: Mas você mudaria seu visual em nome de um papel? Assim como os seus, os cabelos ruivos de Marina Ruy Barbosa, por exemplo, já renderam muita polêmica...
CD: Então, eu pintei para fazer a novela! Olha as pontas como estão loiras (mostra a alteração quase imperceptível no cabelo e ri). Mas, graças a Deus, a mudança foi pequena. Eu trabalho como modelo ainda, né. Então não tinha como mudar o visual. Surgiu uma ideia de pintar de verde, mas eu disse: 'calma, não é pra tanto'.

Purepeople: Então você não mudaria radicalmente.
CD: Não é isso. Eu mudaria, sim. Não me importo. O problema é minha agente profissional como modelo. Ela é quem não deixa de jeito nenhum!

Purepeople: No futuro, você gostaria de abandonar a moda e se dedicar à profissão de atriz? Pensa em estudar para isso?
CD: Quando comecei a ser modelo, fui descoberta na rua. Não era algo que eu queria. Ser atriz também apareceu do nada. Então não sei se irei me dedicar à carreira. Por enquanto, meu plano é terminar a novela e voltar pra Nova York. Minha vida está lá e os clientes continuam me ligando desesperados (risos). Mas, se aparecer outro convite como o da novela, talvez eu não vá negar.

(Por Anderson Dezan)

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.