Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela A Dona do Pedaço
Novela Bom Sucesso
Novela Órfãos da Terra
Malhação - Toda Forma de Amar
As Aventuras de Poliana
Novela Topíssima
Novela Éramos Seis
Resumo de novelas
TV
Domingão do Faustão
The Voice Brasil
Caldeirão do Huck
Mais Você
Encontro com Fátima
Fantástico
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Kate Middleton
Meghan Markle
Marilia Mendonça
Gusttavo Lima
Camila Queiroz
Sabrina Sato
Michel Teló
Juliana Paes
Beleza e estilo PB valendo 27/08/19
Cabelo
Make
Moda
Dieta & Saúde
Beleza & Estética
Especial Arezzo valendo

Brigitte Macron: saiba mais sobre a primeira-dama francesa que mobilizou a web

Compartilhe no Facebook
Casada com Emmanuel Macron, presidente da França, Brigitte está em foco no noticiário e nas redes sociais no Brasil. Tal evidência se deve a um comentário polêmico de Jair Bolsonaro, atual governante brasileiro. Aos 66 anos, a professora aposentada inspira com uma história marcada por dedicação a sua carreira e uma história de amor surpreendente com o marido.

Não é raro ver o nome de primeiras-damas em evidência no cenário mundial, como aconteceu durante a posse do presidente norte-americano, Donald Trump, na qual Melania Trump também se destacou. No entanto, nos últimos dias é a mulher de outro governante que está em evidência: Brigitte Macron, casada desde 2007 com Emmanuel Macron. A francesa ganhou apoio e pedidos de desculpas de brasileiros após uma polêmica com o presidente brasileiro, Jair Messias Bolsonaro. No Facebook, ele fez uma piada sobre a esposa de Macron e tal comentário foi classificado pelo europeu como "triste" e "extremamente desrespeitoso". O Purepeople traz a seguir mais sobre a vida e história da francesa elegante e inspiradora.

Casal se conheceu em curso de teatro

Nascida em 1953 em Amiens, cidade localizada ao norte da França, Brigitte se casou aos 20 anos com o primeiro marido, Andre-Louis Auzière, e teve três filhos, Sébastien Auzière, Laurence Auzière-Jourdan e Tiphaine Auzière. Professora de Literatura e Latim, Brigitte conheceu Macron em 1993, quando ele tinha 15 anos nas aulas de teatro da escola em que ela dava aulas e ele estudava. "Nós conversávamos sobre tudo. Escrever [as peças] tornou-se um pretexto. E eu descobri que, de alguma maneira, já nos conhecíamos. Éramos inseparáveis apesar dos ventos contrários", relatou o presidente francês em seu livro, "Révolution". Aos 17, Macron se declarou para Brigitte, prometeu se casar com ela e foi estudar em uma universidade renomada de Paris. Com o passar dos anos, a relação dos dois se manteve próxima e, um ano depois de ela oficializar o divórcio, os dois se casaram, com a aprovação dos três herdeiros dela. "Foi um ato poderoso, porque nem todos teriam tomado essa precaução. Ele queria saber se aceitaríamos", disse a filha caçula de Brigitte, Tiphaine Auzière, ao canal francês "BFMTV".

'Não significa nada', afirmou Brigitte sobre diferença de idade

Para Brigitte, os 24 anos de diferença entre ela e o marido não foram um impedimento para o amor dos dois. "Há alturas nas nossas vidas em que temos de tomar decisões vitais, e para mim, essa (estar numa relação com Emmanuel) foi uma delas. Por isso, o que tem sido comentado sobre a diferença de mais de 20 anos entre nós para mim não significa nada", assegurou a primeira-dama em entrevista à "Elle" francesa.

Ativa em prol da igualdade de gênero

E a francesa também passa longe do estereótipo de "bela, recatada e do lar". Desde que Macron era ministro da Economia, ela deixou de lado seu emprego como professora e se tornou a principal conselheira dele. Durante a campanha presidencial que elegeu o governante francês, ela deu inúmeras declarações de que não seria uma primeira-dama decorativa. "Eu estou envolvida em tudo que se refere a ele há 20 anos. As pessoas ficam surpresas que as mulheres estejam sempre ao lado de seus maridos. É hora de as coisas evoluírem", declarou à época.

Primeira-dama nas salas de aula

Por conta de seu engajamento no governo, Brigitte chegou a ser comparada por veículos em todo mundo com Michelle Obama - mulher de Barack Obama que entrou para a história do governo norte-americano por sua participação ativa. Nas últimas semanas, inclusive, ela anunciou seu retorno às salas de aula em escola no subúrbio francês. "As aulas não serão como as que eu ensinava antes, mas mais interativas, próximas ao estilo anglossaxão. Sabemos que eles precisam conhecer as quatro operações matemáticas, saber escrever francês, expressar-se, construir argumentos em um texto escrito. Mas também quero dar a eles um gostinho de literatura", declarou Brigitte.

(Por Marilise Gomes)

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.