Home
Últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Sertanejo
Últimos Web Stories
Carnaval
Namoro
Instagram dos famosos
Look de famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela Um Lugar ao Sol
Novela Quanto Mais Vida, Melhor
Novela Nos Tempos do Imperador
Novela Verdades Secretas
Novela Verdades Secretas II
Novela Carinha de Anjo
Novela Pantanal
Novela Além da Ilusão
Novela Reis
Resumo de novelas
TV
A Fazenda 13
BBB 22
Masterchef Brasil
Reality Show
Domingão com Huck
Caldeirão
Power Couple Brasil
Mais Você
Encontro com Fátima
Séries
Casamento às Cegas Brasil
Round 6
Cinema
Séries e filmes
Tapete vermelho
Estreias
Oscar
Cannes
Festival do Rio
Angelina Jolie
Jennifer Aniston
Brad Pitt
Tom Cruise
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Virginia Fonseca
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Kate Middleton
Meghan Markle
Marilia Mendonça
Camila Queiroz
Andressa Suita
Cleo
Sabrina Sato
Larissa Manoela
Paolla Oliveira
BBB 22
Beleza & Estilo
Cabelos
Maquiagem
Cuidados com a pele
Moda
Primavera/Verão
Outono/Inverno
Beleza & Estética
Saúde e Bem-estar
Beleza Madura
Dieta
Astrologia
Coluna É Trend!
Verão 2022

Carla Diaz estudou trejeitos de Von Richthofen para teste de filme: 'Intenso'

A atriz Carla Diaz vai interpretar Suzane Von Richthofen no filme 'A Menina que Matou os Pais' e, em entrevista ao Purepeople, conta que se preparou por três dias para o teste em que foi aprovada para viver a jovem protagonista do crime de repercussão nacional há 17 anos e ainda faz parte do imaginário de todo o país até hoje. 'Estudei o jeito que ela falava, olhava...', conta a jovem artista.

Carla Diaz será a protagonista do longa "A Menina que Matou os Pais", previsto para o primeiro semestre de 2020: nele, a atriz irá interpretar Suzane Von Richthofen, estudante de direito que, há 17 anos, ajudou no assassinato dos pais. Em entrevista ao Purepeople, a atriz - de férias da TV desde a novela "Espelho da Vida", na qual viveu a espevitada Gigi - conta que passou para o filme após teste. "Eu soube que eles já estavam testando várias atrizes desde o ano passado", afirma Carla. No longa, ela contracenará com Leonardo Bittencourt, escalado para interpretar Daniel Cravinhos, namorado de Suzane e assassino dos pais da estudante.

Estudos para teste duraram 3 dias: 'Bem intensos'

Em sua preparação para o teste, ela reviu entrevistas e procurou conhecer cada detalhe dos trejeitos da criminosa: "Por ter sido um caso de grande repercussão, tive muito acesso a informação pela internet. Procurei como fontes sites de notícias que fazem um trabalho jornalístico sério, que cobriram o caso na época. Não tive muito tempo para me preparar, apenas três dias, que foram bem intensos. Estudei o jeito que ela falava, olhava... Agora a preparação do filme vai bem além", conta Carla, cuja preparação para o longa - com direção de Maurício Eça e roteiro da criminóloga e escritora Ilana Casoy e do escritor Raphael Montes - será com a coach Larissa Bracher.

Atriz conta lembranças pessoais do caso: 'Todos os jornais e canais só falavam sobre o crime'

Com 28 anos hoje, Carla tinha apenas 11 anos quando o crime repercutiu. "Lembro que foi um caso que chocou o Brasil pela gravidade dele. Lembro que todos os jornais e canais só falavam sobre o crime e o seu desenrolar. Essa é a maior lembrança que eu tenho. Mas agora, revendo todas as notícias, muitas perguntas ficaram na minha cabeça. E acredito que muitos brasileiros têm mil perguntas sobre o caso. É difícil encontrar um motivo para o ato deles", afirmou a jovem, um dos destaques da trama "A Força do Querer" como Carine, na qual viveu cenas enérgicas com Juliana Paes.

'Não posso deixar meus julgamentos expostos', avalia Carla

Com sucessos de público, como a trama teen "Rebelde" e "Chiquititas", em seu currículo, a artista vê o novo projeto como um dos mais audaciosos em sua carreira. "Como atriz, tem sido um trabalho muito intenso e desafiador. Em cena, não posso deixar os meus julgamentos expostos. Preciso me distanciar deles no momento em que o diretor falar "gravando". E isso não é fácil. Tenho estudado muito", afirma Carla. Seguida por mais de 2 milhões de internautas, ela viu seu nome se tornar um dos assuntos mais comentados nas redes. "Já imaginava que teria uma grande repercussão, justamente por ser um projeto sobre um caso emblemático, que foi real e muito estarrecedor. Ao mesmo tempo, tenho recebido muitas mensagens positivas, de pessoas que gostam do meu trabalho. Só tenho que agradecer pelo carinho", celebra a Carla.

(Por Marilise Gomes)

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.