Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela A Dona do Pedaço
Novela Bom Sucesso
Novela Éramos Seis
Malhação - Toda Forma de Amar
As Aventuras de Poliana
Novela Topíssima
Novela Amor de Mãe
Resumo de novelas
TV
Domingão do Faustão
Masterchef Brasil
Caldeirão do Huck
Mais Você
Encontro com Fátima
Fantástico
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Kate Middleton
Meghan Markle
Marilia Mendonça
Gusttavo Lima
Camila Queiroz
Sabrina Sato
Michel Teló
Juliana Paes
Beleza e estilo PB valendo 27/08/19
Cabelo
Make
Moda
Dieta & Saúde
Beleza & Estética
Especial Arezzo valendo

Chris Brown relata agressão a ex Rihanna: 'Dei um soco e ela cuspiu sangue'

Compartilhe no Facebook
Rapper disse que pensou em suicídio após espancar a cantora em 2009

Chris Brown, após comentar foto da ex-namorada Rihanna e ser reprovado por fãs, contou detalhes sobre a briga com a cantora, em 2009, em novos trechos do documentário "Chris Brown: Welcome To My Life". No vídeo, o rapper se defendeu afirmando que a cantora começou a discussão depois que eles encontraram uma ex-affair do músico em uma festa. "Ela começou a ficar com raiva. Ela jogou o celular: 'Te odeio'. Ela começou a me bater em uma pequena Lamborghini (...) Como eu lembro, ela tentou me chutar, mas aí eu realmente acertei ela. Com o punho fechado, eu dei um soco, e isso rasgou o lábio dela. Quando eu vi, fiquei em choque. Pensei: 'Merda, porque eu bati nela assim?'", relatou o artista, que foi preso por ter violentado Rihanna e xingado por detentos na cadeia. Chris disse também que ela começou a cuspir sangue nele, o que o deixou com mais raiva: "Ela tentava pegar meu celular para jogá-lo pela janela."

Músico pensou em suicídio com repercussão do caso

Livre do crime que cometeu, Chris falou ainda que se sentia como um monstro. "Eu pensava em suicídio e tudo mais. Eu não dormia e nem comia. Só me drogava", revelou ele, que mordeu o braço de Rihanna e a empurrou, o que causou um ferimento em sua cabeça: "Depois do que aconteceu, ela me odiava. Eu tentei de tudo, mas ela não confiava em mim. Tudo piorou a partir daí. Eram brigas verbais que se tornaram brigas físicas, dos dois lados. Eu ainda a amo, mas eu vou ser honesto. Nós brigávamos, ela me batia, eu batia nela, nunca foi tudo bem. Quando eu subia no palco, eu tinha arranhões no meu rosto e falava que havia caído. Se você tem um machucado ou hematoma, você põe maquiagem". Em 2012, o cantor e a compositora se reconciliaram e namoraram por poucos meses, antes de romperem definitivamente em 2013.

'Ninguém admite que passou por isso', diz cantora

À revista "Vanity Fair", Rihanna falou que não entendia como as vítimas sempre eram culpadas pelas agressões. "Está no passado, mas eu não vou falar 'supere isso', porque é algo muito sério e relevante, é real. Muitas mulheres e jovens estão passando por isso. Mas para mim, ou para qualquer outra mulher que foi vítima de abuso, ninguém quer lembrar. Ninguém quer admitir que passou por isso", declarou em entrevista.

(Por Patrícia Dias)

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.