Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Últimos stories
Sertanejo
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Malhação - Viva a Diferença
Novela Totalmente Demais
Novela Êta Mundo Bom!
Novela Novo Mundo
Novela Fina Estampa
As Aventuras de Poliana
Novela Amor Sem Igual
Novela Salve-se Quem Puder
Novela Amor de Mãe
Novela Nos Tempos do Imperador
Resumo de novelas
TV
BBB20
Domingão do Faustão
Masterchef Brasil
Caldeirão do Huck
Mais Você
Encontro com Fátima
Fantástico
Cinema
Tapete vermelho
Estreias
Oscar
Cannes
Festival do Rio
Angelina Jolie
Jennifer Aniston
Brad Pitt
Tom Cruise
Leonardo Dicaprio
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Kate Middleton
Meghan Markle
Marilia Mendonça
Gusttavo Lima
Camila Queiroz
Sabrina Sato
Michel Teló
Juliana Paes
Beleza & Estilo
Cabelos
Make
Moda
Primavera/Verão
Outono/Inverno
Dieta & Saúde
Beleza & Estética

Thelma, do 'BBB20' e Kevin O Chris pedem justiça por morte de menino. Saiba!

Compartilhe no Facebook
O menino Miguel Silva, de 5 anos, morreu em Recife após cair do 9º andar do prédio no qual a mãe estava trabalhando. Segundo Mirtes Renata, ela deixou o filho sob cuidados da patroa ao levar para passear o cachorro pertencente à empregadora. Miguel aparece em câmeras de segurança usando elevador e procurando pela mãe. 'Vale R$ 20 mil, a dor de uma mãe que nunca mais verá seu filho?', questionou Thelma citando a fiança paga pela patroa de Mirtes

Vencedora do "BBB20", Thelma Assis se pronunciou em rede social após a morte do menino Miguel Otávio Santana da Silva, de 5 anos. A criança caiu do 9º andar de um prédio residencial ao acompanhar a mãe em dia de trabalho no centro de Recife, nesta terça-feira (2). A patroa da doméstica, mãe de Miguel, foi presa em flagrante, mas liberada em seguida ao pagar R$ 20 mil, diz o site "G1". "Vale R$ 20 mil, a dor de uma mãe que nunca mais verá seu filho?", questionou Thelma. No dia da morte de Miguel, vários famosos haviam abraçado uma luta antirracista no movimento "Blackout Tuesday".

Thelma, campeã do 'BBB', pediu: 'Justiça por Miguel'

Na sequência do post em seu Twitter, a vencedora do "BBB" criticou a não identificação da patroa da doméstica Mirtes Renata, mãe de Miguel. "A carne mais barata do mercado é a negra. Expor a funcionária ao vírus (coronavírus), expor o filho dela à morte, mas não expor seu rosto à sociedade. Revoltante!", bradou. "Justiça por Miguel", pediu Thelma, alvo de comentários racistas na web, compartilhando ainda uma foto do menino em sua última festa de aniversário. O caso do menino lembra a morte do estudante João Pedro no Rio de Janeiro durante ação policial, fato que levou Ludmilla a protestar.

Maisa Silva divulgou petição em favor do menino Miguel

Namorado de Fátima Bernardes, Túlio Gadêlha também reagiu pela morte de Miguel. "A patroa, que teve a identificação preservada pela Polícia, vai ser indiciada por homicídio culposo, ou seja, quando não há intenção de matar", escreveu o deputado federal, que recentemente lamentou a morte da avó. O cantor Kevin O Chris classificou a tragédia como "revoltante" e divulgou em seu Twitter uma petição. O post foi retuitado por Maisa Silva, que também pediu justiça para Miguel. No começo da quarentena, a apresentadora do SBT lamentou ato racista contra seu pai.

Entenda a morte do menino Miguel, que caiu do 9º andar de prédio

Mãe de Miguel, Mirtes teve a companhia do filho em dia de trabalho em um edifício conhecido como "Torres Gêmeas" no centro da capital pernambucana. A morte do menino ocorreu por volta das 13h após uma queda do nono andar - cerca de 35 metros -; a doméstica trabalhava no quinto andar. Imagens de câmeras de segurança mostram Miguel dentro de um elevador acionando vários botões. Segundo o perito criminal André Amaral, ele procurava pela mãe e foram encontrados vestígios da passagem do garoto perto da casa de máquinas do edifício. A queda ocorreu após a quarta aleta de uma grade de alumínio quebrar. Ao "NE1", jornal local da Globo, a mãe de Miguel afirmou que deixou o filho sob os cuidados dos patrões ao sair para passear com o cachorro da família deles. E que trabalhava para o prefeito de Tamandaré, Sérgio Hacker, e para a mulher dele, Sair Corte Real.

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.