Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Últimos stories
Sertanejo
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Malhação - Viva a Diferença
Novela Haja Coração
Novela Laços de Família
Novela Flor do Caribe
Novela A Força do Querer
Novela Amor Sem Igual
Novela Salve-se Quem Puder
Novela Nos Tempos do Imperador
Novela Amor de Mãe
Resumo de novelas
TV
A Fazenda 12
Domingão do Faustão
Masterchef Brasil
Caldeirão do Huck
Mais Você
Encontro com Fátima
Fantástico
Cinema
Tapete vermelho
Estreias
Oscar
Cannes
Streaming
Festival do Rio
Angelina Jolie
Jennifer Aniston
Brad Pitt
Tom Cruise
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Kate Middleton
Meghan Markle
Marilia Mendonça
Gusttavo Lima
Andressa Suita
Sabrina Sato
Larissa Manoela
Juliana Paes
Beleza & Estilo
Cabelos
Make
Moda
Primavera/Verão
Outono/Inverno
Dieta & Saúde
Beleza & Estética
Verão 2020

Rock in Rio: John Mayer toca hits e Bruce Springsteen canta com fãs em show

John Mayer e Bruce Springsteen levantaram a multidão que lotava a cidade do rock, neste sábado (21), penúltimo dia de Rock in Rio.

Com solos de guitarra, o cantor John Mayer arrancou suspiros e gritos apaixonados da plateia. Com apresentação de pouco mais de uma hora, John cantou, com o coro do público, sucessos como "Slow dancing in a burning room" e "Half of my heart". O cantor americano, que tem Sandy como fã , fez sucesso com a plateia, principalmente a feminina. Mas quem saiu idolatrado nesta noite foi Bruce Springsteen.

Não faltou fôlego ao músico de 63 anos, que fechou a noite com um carismático show de quase três horas de duração. Springsteen, que havia vindo ao Brasil pela última vez em 1988, abriu o show com "Sociedade Alternativa", de Raul Seixas. Depois, anunciou que cantaria todas as 12 músicas do álbum "Born in the USA" (1984). Cheio de vitalidade, o astro ainda cantou "Death to My Hometown", "Spirit in the Night", "Hungry Heart", "Shackled and Drawn", "The Rising", "Thunder Road", "Land of Hope and Dreams", "Born to Run", e ainda interpretou "Twist and Shout", dos Beatles.

Para cantar "Dancing in the Dark", o artista convovou alguns fãs ao palco. Foi uma festa! Uma das fãs acompanhou a banda tocando violão e uma outra deixou o palco no colo do cantor. Elétrico, Springsteen deu trabalho aos seguranças, que tinham que ir atrás do astro toda vez que ele se aproximava da plateia. Durante a canção "Waitin' on a sunny day", ele deu o microfone nas mãos de um garotinho italiano. O menino, talvez sem dimensão do poder que tinha em mãos, simplesmente cantou. Uma graça. O garoto de 10 anos, chamado Ludovico, não quis falar com jornalistas antes do show por ser "tímido". Ele estava no festival com os pais e a família ficou logo conhecida nos bastidores. O menino já assistiu a 80 shows de Springsteen! Participação merecida, não é mesmo? O pai de Ludovico já viu mais de 275 apresentações de Bruce. Certamente já são conhecidos da produção do cantor.

Durante sua apresentação, o músico perguntou se o público estava sentindo o astral e se mostrou bastante à vontade caminhando livremente pelos corredores que cercavam o Palco Mundo, da cidade do rock. Antes de deixar o palco, ele prometeu não ficar tanto tempo sem vir ao país: "Vamos voltar logo, eu prometo". O Brasil vai esperar, Bruce Springsteen.

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.