Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela A Dona do Pedaço
Novela Bom Sucesso
Novela Órfãos da Terra
Malhação - Toda Forma de Amar
As Aventuras de Poliana
Novela Topíssima
Novela Jezabel
Resumo de novelas
TV
Domingão do Faustão
The Voice Brasil
Caldeirão do Huck
Mais Você
Encontro com Fátima
Fantástico
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Kate Middleton
Meghan Markle
Marilia Mendonça
Gusttavo Lima
Camila Queiroz
Sabrina Sato
Michel Teló
Juliana Paes
Beleza & Estilo 2
Cabelos
Make
Moda
Dieta & Saúde
Beleza & Estética
Especial Arezzo valendo

Fim da novela 'Sol Nascente' tem morte, vilã impune e casamento de Ralf e Milena

Compartilhe no Facebook
Os pontos altos do último capítulo da trama das seis foram a morte de César (Rafael Cardoso) e o casório de 'Rallena' o casal coadjuvante que ganhou o público

Com o casamento dos protagonistas e uma longa passagem de tempo (sete anos) antecipados, o último capítulo da novela "Sol Nascente" teve como destaques os desfechos do vilões e o casamento de Ralf (Henri Castelli) e Milena (Giovanna Lancellotti). A trama de Walther Negrão, Suzana Pires e Júlio Fischer fecha com a morte de Cesar (Rafael Cardoso) e a impunidade de Sinhá (Laura Cardoso) - a surpresa maior desse final - uma história de amizade que se transformou em amor.

Alice, a mocinha que se livra do apuro sozinha

Mais velha que seu par romântico e empoderada desde o primeiro capítulo, Alice (Giovanna Antonelli) se destaca como uma mocinha fora dos padrões. Contando com o talento, carisma e competência de sua intérprete, a personagem protagonizou vários dos melhores momentos do folhetim, inclusive no final. Sequestrada e amarrada por César, ela cuspiu na cara do mau-caráter e conseguiu escapar da explosão detonada por ele lhe acertando um golpe que o derrubou. A cena esteticamente mais bonita do capítulo começou a partir desse momento, quando Mario (Bruno Gagliasso) mergulhou no mar para salvar a amada, que afundava, com as mãos atadas. A trilha, a fotografia, o slow motion e atuações criaram o clima e tiraram o fôlego.

César e Sinhá: dois finais bem diferentes

Como César já havia passado anos na cadeia, já era de se esperar que seu castigo não fosse voltar para a pisão. Com isso, ficaram duas possibilidades mais evidentes: a morte ou a loucura, esta última sendo bastante fundamentada na atuação de Rafael Cardoso, que em muitos momentos sinalizou o desequilíbrio mental do vilão. A escolha dos autores foi matá-lo na primeira metade do capítulo, na explosão. Prestes a fugir para o médico, Sinhá sofreu ao receber do novo comparsa a notícia, em uma das tantas cenas brilhantes de Laura Cardoso na novela, mas a chefona da quadrilha se deu bem e conseguiu ficar impune, rica e feliz aplicando golpes com Cristiano (Malvino Salvador). Assim como na vida, na ficção às vezes os criminoso se dão bem, e o telespectador pode ficar frustado, claro.

Ralf e Milena viraram protagonistas no final

Aclamado pelo público e separado nos últimos capítulos, o casal formado por Ralf e Milena assumiu o papel do par protagonista neste desfecho. O momento mais esperado foi o reencontro do tatuador com a veterinária, que emocionou e teve seu ápice com o casamento. Com a pressa para caber tudo dentro do tempo de um capítulo, a cerimônia pareceu um tanto repentina, mas teve sua beleza e cumpriu a missão de passar a mensagem do felizes para sempre, reiterada pela última cena em que o elenco se reuniu praticamente todo em volta de uma grande mesa, celebrando a alegria, a amizade e o amor entre as famílias Di Angeli e Tanaka. A narração na voz de Giovanna Antonelli emocionou.

Leveza praiana que ainda faz sucesso

Ainda em seu início, "Sol Nascente" foi bastante criticada e teve de passar por algumas mudanças no ritmo e dinâmica para recuperar a audiência do horário. Com o afastamento de Walther Negrão, Suzana Pires e Júlio Fischer assumiram o comando e tocaram o barco numa velocidade mais acelerada, com reviravoltas e mais ação nas cenas. As alterações surtiram efeito e a trama obteve ótimos resultados no ibope, prova de que as histórias praianas que têm a leveza característica do estilo de Negrão ainda agradam, mas precisam de alguns ajustes para funcionar bem, além da belíssima direção imagética de Leonardo Nogueira e de um elenco de peso como foi este.

(Por Samyta Nunes)

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.