Home
Últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Namoro
Sertanejo
Últimos Web Stories
Famosos do esporte
Instagram dos famosos
Gravidez das famosas
Look de famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela Pantanal
Novela Cara & Coragem
Novela Além da Ilusão
Novela Carinha de Anjo
Novela Poliana Moça
Novela Reis
Novela A Favorita
Resumo de novelas
TV
Power Couple Brasil
Masterchef Brasil
A Fazenda
BBB 23
Reality Show
Domingão com Huck
Caldeirão
Mais Você
Encontro com Fátima
Séries
Filme 365 Dias
Casamento às Cegas Brasil
Cinema
Séries e filmes
Tapete vermelho
Estreias
Oscar
Cannes
Festival do Rio
Angelina Jolie
Jennifer Aniston
Brad Pitt
Tom Cruise
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Virginia Fonseca
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Kate Middleton
Paolla Oliveira
Wanessa
Meghan Markle
Marilia Mendonça
Jade Picon
Andressa Suita
Sabrina Sato
Larissa Manoela
Casamento
Noivas
Looks para casamento
Make para casamento
Penteados para casamento
Inverno
Beleza & Estilo
Cabelos
Maquiagem
Cuidados com a pele
Moda
Primavera/Verão
Outono/Inverno
Beleza & Estética
Saúde e Bem-estar
Beleza Madura
Dieta
Astrologia
Coluna É Trend!
Home Gusttavo Lima

Gusttavo Lima reage à polêmica por fortuna em cachê para show em cidade com 8 mil habitantes. Entenda!

Gusttavo Lima reage à polêmica por fortuna em cachê para show em cidade com 8 mil habitantes. Entenda!
11 fotos
Gusttavo Lima será uma das grandes atrações de um evento em São Luiz, cidade do Roraima. No entanto, o alto valor do cachê do show em uma cidade com menos de 10 mil habitantes se tornou alvo de uma investigação do Ministério Público do estado. Saiba mais e confira a defesa do cantor!

Gusttavo Lima veio a público prestar esclarecimentos após se envolver em uma polêmica relacionada ao cachê de um show em São Luiz, cidade de Roraima com pouco mais de 8 mil habitantes. O artista, que será atração do São João de Campina Grande, foi contratado pela prefeitura do município e o espetáculo custou R$ 800 mil aos cofres públicos.

O show é parte da 24ª vaquejada da cidade, prevista para acontecer em dezembro. Além do sertanejo, Solange Almeida e Cesar Menotti e Fabiano completam o time de atrações. No entanto, o valor da contratação fez o show de Gusttavo se tornar alvo de investigação do Ministério Público de Roraima (MPRR). A proporção entre o cachê e o número de habitantes representa como se cada pessoa da cidade tivesse pago R$ 100 pelo espetáculo.

Ao G1, o MPRR afirma que solicitou à prefeitura do município informações sobre os possíveis retornos para os moradores da cidade e, também, a respeito de como os recursos foram arrecadados. O órgão deu prazo de até 10 dias para a resposta.

POLÊMICA DE ZÉ NETO E ANITTA REACENDEU DEBATE SOBRE CACHÊS DO SERTANEJO

O valor do cachê do show de Gusttavo em São Luiz gerou debates nas redes sociais depois de um discurso de cunho político realizado pelo cantor durante um show em Brasília, o mesmo onde houve uma briga que viralizou na web.

A discussão sobre os valores recebidos por sertanejos em shows de prefeitura ganhou força depois das declarações de Zé Neto, da dupla com Cristiano, que disparou indireta com a Anitta e afirmou "que não depende de Lei Rouanet" durante um show. Na ocasião, os cantores receberam um cachê de R$ 400 mil da prefeitura de Sorriso, no Mato Grosso.

GUSTTAVO LIMA SE DEFENDE APÓS INSTAURAÇÃO DE INVESTIGAÇÃO

Por meio de uma nota oficial, Gusttavo Lima e a empresa que o representa, a Balada Eventos, destacaram que não compactuam com "ilegalidades cometidas por representantes do poder público, seja em qualquer esfera".

"O valor do cachê do artista é fixado obedecendo critérios internos, baseados no cenário nacional, tais como: logística (transporte aéreo, transporte rodoviário, etc.), tipo do evento (show privado ou público), bem como os custos e despesas operacionais da empresa para realização do show artístico, dentre outros fatores", explica o comunicado.

A declaração ainda afirma que cabe aos municípios a responsabilidade de aplicar os recursos com responsabilidade e que tais fiscalizações não são papel do artista. "Qualquer ilegalidade cometida pelos entes públicos, seja na contratação de shows artísticos ou qualquer outra forma de contração com o setor privado, deverá ser fiscalizada pelo Tribunal de Contas e se apurada qualquer ilegalidade, deverá ser encaminhada para a Justiça competente para julgar o ilícito eventualmente cometido", finaliza a nota.

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.