Home
Últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Namoro
Sertanejo
Últimos Web Stories
Carnaval
Famosos do esporte
Instagram dos famosos
Gravidez das famosas
Look de famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela Pantanal
Novela Cara & Coragem
Novela Quanto Mais Vida, Melhor
Novela Além da Ilusão
Novela Carinha de Anjo
Novela Poliana Moça
Novela Reis
Novela A Favorita
Resumo de novelas
TV
Power Couple Brasil
Masterchef Brasil
A Fazenda
BBB 23
Reality Show
Domingão com Huck
Caldeirão
Mais Você
Encontro com Fátima
Séries
Filme 365 Dias
Cinema
Séries e filmes
Tapete vermelho
Estreias
Oscar
Cannes
Festival do Rio
Angelina Jolie
Jennifer Aniston
Brad Pitt
Tom Cruise
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Virginia Fonseca
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Kate Middleton
Paolla Oliveira
Wanessa
Meghan Markle
Marilia Mendonça
Jade Picon
Andressa Suita
Sabrina Sato
Larissa Manoela
Casamento
Noivas
Looks para casamento
Make para casamento
Penteados para casamento
Beleza & Estilo
Cabelos
Maquiagem
Cuidados com a pele
Moda
Primavera/Verão
Outono/Inverno
Beleza & Estética
Saúde e Bem-estar
Beleza Madura
Dieta
Astrologia
Coluna É Trend!

Pele bem-cuidada no verão: conheça 6 ácidos que podem (e devem!) ser usados na estação

11 fotos
Veja as fotos!
A presença de ácidos no skincare deve ser limitada ao inverno? Dermatologista lista tipos específicos do item de beleza que também podem ser usados para a manutenção da pele durante a estação mais quente do ano.

O cuidado com a pele cresceu entre as brasileiras e, com o verão, a rotina de skincare é atualizada: alguns itens, como o protetor solar, se tornam ainda mais essenciais e outros, como os ácidos retinóico, glicólico, salicílico e mandélico precisam ser "aposentados" do nécessaire.

Entretanto, tais ativos têm substitutos poderosos. "Existem outros ácidos tão eficazes que podem e devem ser usados no verão para continuar mantendo os resultados. Os ácidos ferúlico, kójico, azelaico, maslínico, ascórbico e o ácido hialurônico são alguns dos que podem continuar na rotina de skincare durante essa estação", explica a dermatologista Priscila Camara de Camargo, da Clínica Camargo.

A especialista aponta que a indicação e a dosagem dos ativos devem ser feitas por um especialista, assim como a orientação do modo de uso. "Independente se o ingrediente é fotossensibilizante, usar o protetor solar diariamente é regra básica, desde que tenha mais do que 30 FPS e seja reaplicado de duas em duas horas.", orienta.

"Além disso, muitas fórmulas com ácidos podem ter seus efeitos potencializados com outros ativos, como peptídeos, restauradores da barreira, antioxidantes, entre outros", destaca. Mas os ácidos do verão funcionam como? Veja a seguir mais detalhes dados pela médica especialista.

1. Ácido ferúlico é aliado poderoso da vitamina C

No organismo, o ácido ferúlico fornece hidrogênio para a neutralização dos radicais livres, que está relacionado com o envelhecimento das células. "É um potente antioxidante e aliado à vitamina C ou ácido ascórbico, previne o envelhecimento e trata as manchas. Dados científicos mostraram que a aplicação tópica do ácido ferúlico inibe a formação do eritema – vermelhidão – provocado pela exposição da pele aos raios UV", explica a dermatologista.

2. Ácido kójico também pode ser usado por gestantes

De acordo com a expert em cuidados com a pele, esse ativo é considerado um clareador importante por ter uso permitido durante o verão e também na gestação.

Ele inibe a ação da tirosinase – enzima responsável pela produção de pigmento –, promovendo a diminuição da formação da melanina e do melasma, comum em mulheres grávidas, além de contribuir também para o clareamento da pele. É um ácido que não causa irritação se usado corretamente. "Como o ácido kójico é mais suave e não causa fotossensibilização, seu uso pode ser feito até mesmo durante o dia", destaca.

3. Ácido hialurônico evita flacidez e perda de luminosidade

O ácido hialurônico é um dos "hits" de beleza dessa temporada por sua versatilidade. Ele é produzido pelo corpo, mas com o avanço da idade, essa produção se reduz, diminuindo por consequência a hidratação e elasticidade da pele.

"Então, quando existe falta de ácido hialurônico, há desidratação da pele, tendência à flacidez, rugas, sulcos e perda de luminosidade. O ativo tem vários pesos moleculares e deve ser usado em diferentes composições para atuar em várias áreas da pele, principalmente como um poderoso hidratante em fórmulas anti-idade", explica Dra. Priscila.

4. Ácido azelaico auxilia no combate à acne e rosácea

Por sua vez, o ácido azelaico possui função clareadora e seborreguladora e é indicado no tratamento da acne e também da rosácea. "Pode ser usado também por gestantes no controle do melasma, porque exerce a mesma função do ácido kójico, que é de inibir a tirosinase e clarear a pele.", destaca a dermatologista.

O efeito seborregulador desse ativo, aponta a médica ajuda a diminuir os cravos, limpa os poros, além de ter ação antibacteriana e antimicrobiana. Ainda é anti-inflamatório, secativo e clareador das manchas e sequelas de acne.

5. Ácido maslínico tem alta penetração na pele quando nanoencapsulado

O ácido maslínico é um poderoso antioxidante e também tem uma grande ação anti-inflamatória. As fórmulas em que o ativo está nanoencapsulado garantem alta penetração na pele.

"Ele reduz a vermelhidão de peles irritadas, principalmente após exposição solar e outros agressores ambientais, como a poluição. A substância age diretamente sobre a hidratação e aparência da pele, deixando-a mais macia e radiante porque estimula a renovação celular.", aponta Dra. Priscila.

6. Ácido ascórbico atua diretamente contra radicais livres

Outro ácido com ação antioxidante é o Ácido L-Ascórbico. "A famosa Vitamina C é responsável por frear a ação dos radicais livres, estimular a formação de novo colágeno e ajuda a proteger a pele dos efeitos do sol, na medida em que uniformiza o tom e melhora sua textura.", sinaliza.

"Também é importante para diminuir as rugas e apresenta atividade imunoprotetora e clareadora", acrescenta a médica. Segundo a expert, o ativo promove todos os benefícios da Vitamina C pura, sendo 10 vezes melhor absorvido.

Finalmente, a médica lembra que antes de usar qualquer ácido no rosto, principalmente no verão, é importante visitar um dermatologista e tirar dúvidas mais específicas, principalmente para que ele possa indicar uma fórmula eficaz caso a caso.

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.