Ana Paula, expulsa do 'BBB16', chora ao defender o pai na TV: 'Culpa não é dele'

Compartilhe no Facebook
'Se é um problema de educação, tenho que resolver comigo', acrescentou a jornalista

Ana Paula saiu em defesa do pai, Gerardo, de 86 anos, ao comentar a educação que recebeu durante participação no "Encontro com Fátima Bernardes", nesta manhã de quinta-feira (11). "O meu pai é a pessoa que mais me critica. Eu ouvi coisas do tipo 'a culpa é toda ele'. Ele não tem culpa! Se é um problema de educação, o problema é meu e tenho que resolver comigo", afirmou sem segurar as lágrimas. A jornalista foi expulsa do "BBB16" após dar dois tapas em Renan durante uma festa no último final de semana.

"Me emociono, porque acho que o coloquei em uma situação que ele não merecia tantas críticas. Eu mereço. Eu que fui lá dar a minha cara a tapa. Não culpem o meu pai. Ele não tem culpa de nada", acrescentou Ana Paula, sondada pela Globo para ser repórter de algum programa. "Concordo que eu não sou exemplo, mas eu fui sincera!", admitiu. Na entrevista a Fatima Bernardes, a polêmica participante lembrou seus exageros durante as festas. "Antes de entrar na casa, o meu pai pediu para eu não beber. Ele sempre teve essa preocupação e eu brigava com ele. Mas gosto de beber sim, só não sou alcoólatra", frisou.

Ana define estado civil: 'Encalhadérrima'

Com bom humor e aos risos comentou sua expulsão do reality ao ser questionada se é explosiva nos relacionamentos. "Também! A bicha está com 34 anos e encalhadérrima. Ainda saio expulsa porque dei na cara do sujeito. A pessoa vai me ver e atravessar a rua", ironizou a ex-sister convidada por revista masculina para posar nua.

A jornalista disse, novamente, que nunca foi unanimidade desde a época da escola. "Comigo nunca teve meio termo. Carrego amizade de 30, 32 anos até hoje. Mas teve casos de pessoas que se afastaram de mim", pontuou ela, que continua contratada da Globo.

(Por Guilherme Guidorizzi)

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.
Comentários