Home
últimas
Famosos Brasileiros
Famosos Internacionais
Famosos na praia
Filhos de famosos
Fotos de famosos
Vídeos
Namoro
Instagram dos famosos
Principais notícias
Todos os temas
Novelas
Novela A Dona do Pedaço
Novela Bom Sucesso
Novela Órfãos da Terra
Malhação - Toda Forma de Amar
As Aventuras de Poliana
Novela Topíssima
Novela Jezabel
Resumo de novelas
TV
Domingão do Faustão
The Voice Brasil
Caldeirão do Huck
Mais Você
Encontro com Fátima
Fantástico
Famosos
Bruna Marquezine
Marina Ruy Barbosa
Sasha
Anitta
Grazi Massafera
Ivete Sangalo
Kate Middleton
Meghan Markle
Marilia Mendonça
Gusttavo Lima
Camila Queiroz
Sabrina Sato
Michel Teló
Juliana Paes
Beleza e estilo agosto 2019
Cabelo
Make
Moda
Dieta & Saúde
Beleza & Estética
Especial Arezzo valendo

Anderson Silva conta que quase ficou viciado em remédios: 'Já estava depressivo'

Anderson Silva está se preparando para voltar ao octógono após fraturar a perna durante uma luta em 2013. O desafio será contra o norte-americano Nick Diaz, no UFC 183, no dia 31 de janeiro, em Las Vegas, nos Estado Unidos. O lutador abriu sua casa para o "Esporte Espetacular", da TV Globo, e falou sobre sua preparação para a luta.

"Tô muito empolgado e ansioso para voltar a lutar. Quero voltar a dar alegria para o meu país, para o meu time, e para todos que torceram pela minha recuperação", afirmou Spider, como é conhecido, ao repórter Regis Rösing.

Spider contou que quase ficou viciado em medicamentos: "Foi muita dor mesmo. Não desejo pra ninguém. Tomava muito remédio para a dor passar. Eu tomava e melhorava, mas depois eu queria tomar de novo. Quase me viciei. Eu ficava com muito sono e já estava depressivo. Passei a encher a banheira de gelo e ficava sentindo dor lá dentro".

Anderson Silva volta à ativa após lesão

Na luta de dezembro de 2013, Anderson deixou o octógono direto para o hospital, onde descobriu que havia fraturado a fíbula e a tíbia. Ele foi operado e teve alta três dias depois. "Olha, eu achava que estava acostumado com a dor, mas não estava não", comentou ele, que contou o procedimento que foi feito em sua perna. "Colocaram uma haste de titânio e fizeram um ligamento entre o joelho e o tornozelo por dentro do osso. Estou quase um X-Men", brincou ele.

Em fevereiro, Spider apareceu pela primeira vez em uma academia treinando para voltar a lutar. A vontade de retornar ao octógono era tanta que, menos de seis meses após a lesão, o atleta fez seu primeiro sparring (treino referente a esportes de combate) de MMA. "Aí galera uma notícia boa, hoje é meu primeiro Sparring de MMA depois da fratura na perna. Dr Márcio Tanuri liberou", escreveu ele nas redes sociais.

O UFC confirmou a volta de Anderson Silva às competições oficiais para janeiro em julho do ano passado. Na entrevista coletiva, o brasileiro brincou com a fratura. "A minha perna está legal. Na duvida eu vou chutar da cintura pra cima. Essa perna não quebra mais", brincou o lutador.

Lesão uniu ainda mais família do lutador

A fratura de Anderson Silva o deixou mais perto da mulher, Dayane, e dos cinco filhos. A rotina intensa de treinos e viagens sempre fez com que o lutador ficasse longe da família. "Durante todo esse tempo que eu fui campeão, eu fiquei muito tempo longe dos meus filhos. Com a lesão, eu fiquei mais tempo com eles", afirmou ele.

Se depender do filho mais velho de Spider, Gabriel, de 17 anos, a família continuará na tradição das artes marciais. Ele já está treinando para ser um atleta. "Ter a oportunidade de, como lutador, ter a chance de lutar com ele, é incrível", diz o jovem.

Acompanhe também as últimas notícias dos famosos pelo nosso Facebook.